PREOCUPAÇÃO

Secretaria Municipal de Desenvolvimento aposta na atração de empresas

A EDP anunciou a transferência de 261 funcionários de Mogi das Cruzes para uma nova sede, em São José dos Campos. Por aqui, ficarão 461 colaboradores. Já a Tropical Fresh, indústria de alimentos frescos e congelados que assim como a distribuidora de energia funciona em César de Souza, confirmou que 14 trabalhadores estão em aviso prévio. Atualmente, o quadro é de 83 funcionários. O secretário municipal de Desenvolvimento, Clodoaldo de Moraes, diz que as notícias são preocupantes, mas que a Prefeitura vem trabalhando para melhorar esse aspecto.

Para o chefe da pasta, a melhor alternativa é conseguir atrair novos investidores ao município, aumentando o número de vagas de emprego. Por isso, a Secretaria e a Administração Municipal vêm promovendo encontros com embaixadas e comitivas de outros países, como China e Canadá.

“Existem muitas pessoas interessadas em conhecer a cidade e trazer a empresa para cá. Nós damos todo o apoio necessário e oferecemos diversas facilidades, como a lei de incentivos ficais, onde investidores podem usufruir de isenção de IPTU, taxa de Imposto Sobre Serviço (ISS) reduzida, isenção do imposto sobre construção, além de todo tratamento diferenciado que a Prefeitura de Mogi oferece, com muita agilidade na tramitação de documentos”, comentou Moraes.

Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), que tem o levantamento até junho, Mogi apresentou números negativos em quase todos os meses deste ano, exceto em fevereiro, quando o saldo foi de 128. Nesse primeiro semestre, o resultado é de 1.234 vagas a menos.

“Nós temos que levar em consideração também a situação do país, porque essa instabilidade econômica não prejudica apenas Mogi. Na região do ABC, por exemplo, fechou uma empresa de veículos e muita gente acabou sendo demitida. Por aqui, esse tipo de coisa não tem acontecido. Mas acredito que nos próximos meses isso vá melhorar, com aquecimento na indústria e com o empresário voltando a contratar”, concluiu o secretário.