TRÂNSITO

Acidentes deixam dois motociclistas mortos em Mogi

DIÁRIO

Dois acidentes com motocicletas em locais diferentes de Mogi das Cruzes no último fim de semana deixaram dois mortos: Fábio Felipe de Santana Braga, de 25 anos, e de Emanuel Fonseca Carvalho, de 36 anos. Nesta segunda-feira, a Polícia Civil ainda aguardava os laudos da Polícia Científica e do Posto do Instituto Médico Legal para abrir os respectivos inquéritos que devem esclarecer as ocorrências com detalhes.

O autônomo Fábio Felipe, que residia na Vila Pomar, foi encontrado às 23h30 de sábado, na avenida Álvaro de Campos Carneiro, na Vila Pomar, nas proximidades da casa dele. Ele já estava sem vida ao lado da motocicleta de Jovair Braga da Silva, que era conduzida pela vítima fatal.

O delegado Denis Miragaia, de plantão no Distrito Central, registrou o acidente como tombamento, acidente de trânsito e morte acidental. O corpo da vítima será submetido a exames necroscópico e químico-toxicológico.

O perito Fernando Takenaga, da Polícia Científica, foi acionado pela autoridade e a

informou que no local do fato “não foram encontrados vestígios de outro veículo envolvido”, conforme consta no histórico do boletim de ocorrência, ou seja, Fábio Felipe caiu da moto e morreu.

Já no domingo, às 15h14, o caminhoneiro Emanuel Fonseca Carvalho, de 36 anos, dirigindo em alta velocidade, segundo constatou a Polícia, colidiu a motocicleta na traseira do Gol conduzido por Dimas Aparecido de Oliveira, de 62, de acordo com o que o próprio motorista declarou no Distrito Central. O delegado Victor da Silva Melo e o investigador Evandro Nakano registraram o homicídio culposo (sem intenção).

O acidente ocorreu na avenida das Orquídeas, em Jundiapeba. Uma equipe do Samu chegou a levar a vítima Emanuel ao Hospital Luzia de Pinho Melo, mas ele não sobreviveu.

O dono do Gol afirmou que transitava em baixa velocidade. A Honda do caminhoneiro ficou destruída e a Polícia Militar localizou seu velocímetro que devido ao impacto se desprendeu e caiu na via. O equipamento indicava uma velocidade de 113 quilômetros por hora.


Deixe seu comentário