ARTIGO

As etapas do Design Thinking

Felipe Martins

O Design Thinking oferece um espaço onde a pessoa pode ficar livre para pensar, experimentar, discutir e errar sem serem julgadas. O exercício é exatamente projetado para tirar o cérebro da zona de conforto e enxergar além, só assim para se inovar! Ele se apoia em três pilares essenciais que ajudam a compreender os problemas:

Empatia: capacidade de compreender o outro e se colocar no lugar dele, levando em consideração sua história, experiência e contexto social. Só depois de se despir dos pressupostos e compreender o contexto do outro será possível entender as necessidades das pessoas e desenvolver algo voltado a elas.

Colaboração: a conexão entre as diversas áreas do conhecimento proporciona pontos de vista diferentes, assim, quando as ideias são expostas em um ambiente coletivo que envolve e explora a diversidade, a solução inovadora do problema é mais facilmente alcançada.

Experimentação: momento onde o grupo precisa sair do campo das ideias e leva o material teórico para a prática da vida, para experimentar. É importante ouvir os feedbacks, para ter certeza de que seu produto está sendo eficiente – o aprendizado está diretamente ligado ao erro e, quanto mais cedo ele for corrigido, melhor será o resultado final.

Sempre apoiados nesses três pilares, o projeto em si segue três fases:

Imersão: os envolvidos no projeto precisam pesquisar e ir atrás da maior quantidade possível de informações para descobrir os caminhos para inovar e as necessidades do consumidor – aqui, é muito importante o uso da empatia.

Ideação: os pontos de vista divergentes ajudam a compreender e chegar mais perto da solução do problema. Normalmente, além da equipe multidisciplinar, inclui-se o público e profissionais da área, para obter um resultado mais direcionado.

Prototipação: são criados modelos de teste do produto para coletar mais feedbacks, testar a eficiência, reduz as incertezas, notar os possíveis erros e tornar as soluções dos problemas mais assertivas.

Aposte nesta ferramenta que está se popularizando e atraindo a atenção das empresas!

Felipe Martins é CEO e fundador da Dotstore e Boigy, empresas especializadas em e-commerce e marketing estratégico.