CASO

Assaltante de motorista de aplicativo morre após ser baleado em confronto com a PM

O assaltante Werglinton Nilton Lira de Paula, de 24 anos, que residia na Vila Urupês, em Suzano, foi reconhecido na manhã desta sexta-feira por sua família que compareceu no Posto do Instituto Médico Legal naquela cidade. Ele foi baleado e morreu após confronto com a Polícia Militar por volta das 22 horas da última quinta-feira, na rua Geni Gusmão dos Santos, no bairro Rio Abaixo, em Suzano, depois de assaltar o motorista de aplicativo Paulo Marcos da Silva, de 55 anos.

O condutor Paulo contou aos policiais que que foi rendido no Parque Maria Helena, onde foi dominado por supostos passageiros que anunciaram o assalto e roubaram o seu WV/up! e fugiram. Os criminosos ocupavam Gol City. Segundo ele, um dos bandidos estava armado. A Polícia Militar após a troca de tiros conseguiu recuperar o automóvel da vítima.

A ocorrência foi registrada na noite desta quinta-feira pelo delegado Dimas Rodaski Leão, da Delegacia Central, em Suzano, mas o assaltante até então, era tido como desconhecido. Somente ontem, a delegada Silmara Marcelino recebeu o pai do criminoso na delegacia e fez outro boletim de ocorrência constando a identificação do acusado.


Deixe seu comentário