EXPECTATIVA

Avenida das Orquídeas ainda depende de licença

Prefeitura ainda aguarda aval da Cetesb para a abertura da nova via que liga Mogi das Cruzes a Suzano. (Foto: Anderson Prado)
Prefeitura ainda aguarda aval da Cetesb para a abertura da nova via que liga Mogi das Cruzes a Suzano. (Foto: Anderson Prado)

No lançamento do Junho Verde, o prefeito Marcus Melo (PSDB) falou sobre a espera pelo licenciamento ambiental da avenida das Orquídeas pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb). “A parte da Prefeitura nós já cumprimos e enviamos os documentos para a Cetesb. Agora, dependemos disso para poder fazer a inauguração”, disse.

Questionado sobre o processo de criação de uma Parceria Público-Privada para o serviço de coleta e destino do lixo, que atualmente recebe sugestões da população, o prefeito informou que após esta etapa será aberto o processo licitatório para as empresas interessadas. O prefeito aposta que a medida pode inovar e modernizar, permitindo que a cidade continue crescendo de maneira organizada. “É uma cidade com área territorial enorme e temos o dever de mantê-la em funcionamento. O processo continua. Logo vamos fazer o chamamento e, se as propostas forem possíveis na avaliação dos técnicos da Prefeitura, iremos escolher a melhor”, ressaltou.

Já sobre a busca por uma alternativa municipal para o lixo, no momento em que o Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) está em tratativas com o Governo do Estado para que a região receba um projeto estadual de resolução regional do descarte de lixo, Melo destacou que também é papel do prefeito buscar alternativas para a questão.

“A destinação do lixo é um problema em todas as cidades. O ideal seria uma usina para que todos os municípios encaminhassem o material. Visitei uma usina no Japão, esse assunto está sendo tratado com os prefeitos e a Sabesp mostrou interesse em criar uma usina. Oferecemos Mogi, mas não podemos ficar esperando os outros. Temos de buscar uma alternativa também”, destacou.