POLÍCIA

Bando armado rouba caminhões e escavadeira em Mogi

CASO Retroescavadeira e um caminhão abandonados pelo grupo foram encontrados após o crime. (Foto: divulgação)

A Polícia Civil continuava ontem à tarde sem pistas da quadrilha que, por volta das 9 horas deste domingo, roubou quatro caminhões e uma retroescavadeira no canteiro de obras da DP Barros Arquitetura e Construção, localizada no Parque Leon Feffer, na avenida Valentina Mello Freire Borenstein (via Perimetral), em Braz Cubas. Ontem de manhã, um guarda municipal que reside em Ferraz de Vasconcelos encontrou a “máquina” abandonada e pouco depois a Polícia Militar achou o caminhão que a transportou no Jardim Júlio de Carvalho.

Segundo a Polícia, faltam ser achados dois caminhões caçambas e outro tipo “pipa”. Os veículos dirigidos por quatro bandidos ainda não identificados foram vistos por câmeras de monitoramento da Prefeitura Municipal, saindo do parque e transitando pela avenida Valentina Borenstein com destino às cidades da região do Alto Tietê. O bando levou também diversos equipamentos. A DP Barros presta serviços retirando o lixo do rio Tietê.

O delegado José Carlos dos Santos Alvarenga, do Distrito Central, registrou a ocorrência. O caso deverá ser apurado pelo Setor de Investigações do 2º Distrito Policial, em Braz Cubas.

O vigilante Elias José da Silva, de 60 anos, foi o primeiro a ser rendido no canteiro de obras por um dos criminosos. Ele contou na delegacia, no começo da tarde de domingo, que depois surgiram mais três marginais que dominaram seu colega de trabalho Ronaldo Ferreira de Freitas, de 47 anos.

De acordo com eles, o grupo que estava armado de pistolas automáticas pegaram as chaves e abriram um container, onde estavam as chaves dos veículos. Apesar do susto, os vigias não foram agredidos.


Deixe seu comentário