INFORMAÇÃO

Bolsonaro envia ao Senado autorização de financiamento

Programa + Mogi Ecotietê vence a primeira etapa da burocracia para obter verba

A edição de ontem do Diário Oficial da União trouxe, em sua primeira página, a mensagem do presidente Jair Bolsonaro encaminhando proposta ao Senado Federal “para seja autorizada a contratação de operação de crédito externo, com garantia da República Federativa do Brasil, entre o município de Mogi das Cruzes, no Estado de São Paulo e a Corporação Andina de Fomento (CAF), destinada a financiar parcialmente o Programa + Mogi Ecotietê”, um conjunto de obras e serviços destinado à região de César de Souza e Botujuru. O aval do governo é uma importante etapa no processo para a liberação do financiamento no valor de US$ 69 milhões, que irá tramitar, em seguida, pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), antes de ser levado ao plenário para ser votado pelos senadores. O prefeito Marcus Melo (PSDB) disse ontem a esta coluna, que já está fazendo os contatos necessários com representantes de São Paulo no Senado, seus companheiros de partido, José Serra e Mara Gabrilli, além de Major Olimpio (PSL) e do presidente David Alcolumbre (DEM) para buscar acelerar ao máximo esta aprovação, possivelmente ainda neste ano. Feito isso, será assinado o contrato com a CAF, para a consequente liberação dos recursos. Além do valor relativo ao financiamento, o Programa + Mogi Ecotietê envolve ainda uma contrapartida do município estimada em cerca de US$ 18 milhões. Todo esse dinheiro deverá resultar num dos mais ousados projetos de urbanismo, mobilidade urbana e saneamento básico para Mogi, nos últimos anos. Entre as obras previstas, estão novas avenidas transpondo a linha férrea e o rio Tietê, ampliação da estação de tratamento de esgoto do Parque Centenário, ciclovias, nova iluminação, além de dois novos parques. “São obras e serviços que darão um novo impulso para o desenvolvimento da área Leste de Mogi, que inclui César de Souza, Botujurua e Sabaúna”, afirma o prefeito Marcus Melo, satisfeito com a ultrapassagem do primeiro grande obstáculo na tramitação político-burocrática do projeto, que poderá ser colocado em prática, a partir do início do próximo ano.

Novo candidato

Mogi já conta com mais um pré-candidato a prefeito para as próximas eleições: o advogado Michael Della Torre Neto (PTC), mogiano de 34 anos e que atua profissionalmente há 12, em seu escritório na cidade. Em postagem no Facebook, ele promete uma chapa com 35 candidatos a vereador e um programa de desenvolvimento para Mogi denominado “40 anos em quatro”. Della Torre crê que o município está estagnado e seu plano fará “Mogi crescer e ficar no nível de cidades vizinhas que estão muito avançadas”. Só não disse quais.

Sem acordo

O atual prefeito de Mogi, Marcus Melo, e o deputado federal Marco Bertaiolli (PSD) estiveram reunidos, nesta semana, para tratar sobre eleições. O encontro não alterou o distanciamento entre os dois e o impasse sobre eventual aliança ainda persiste. Na Câmara, nas últimas horas, era dada como certa a candidatura de Marco Bertaiolli a prefeito. Assessores do parlamentar não confirmam. E nem desmentem categoricamente.

Tempos modernos

O presidente da Câmara, vereador Sadao Sakai (PL) quer avançar com o processo de informatização da Câmara para eliminar a papelada e garantir maior agilidade ao andamento de processos internos e até de projetos dos vereadores. Uma de suas metas é implantar o sistema de assinatura digital para que o vereador possa assinar pareceres e trabalhos, mesmo à distância. A mesma empolgação Sakai não tem em relação às sessões online. Para ele, a dinâmica é muito diferente das presenciais, prejudicada especialmente pelas dificuldades na hora dos discursos e apartes.

Educação

Sempre que as turbulências assolam o Ministério da Educação e seu titular, o nome do advogado mogiano Miguel Francisco Urbano Nagib, o Vacico, volta a ser lembrado, por ter sido o criador do movimento Escola Sem Partido, que Bolsonaro tanto defendeu em sua campanha. Mas se o cargo, antes do início do atual governo, podia até parecer atrativo ao filho do cirurgião dentista Miguel Nagib, é bem provável que isso não mais ocorra, depois de tudo o que já aconteceu com os titulares que por lá passaram. Especulações, porém, não faltam.

Frase

A gripezinha alcança amanhã (hoje) um número histórico no Brasil. Chegará à casa do milhão.Será uma sexta inesquecível.

Ascanio Seleme, em artigo no jornal O Globo, do Rio de Janeiro


Deixe seu comentário