ESCOLA RAUL BRASIL

Câmara dos Deputados encerra sessão plenária em homenagem às vitimas de massacre em Suzano

A Câmara dos Deputados encerrou mais cedo as atividades do Plenário nesta quarta-feira em homenagem às vítimas da tragédia que aconteceu nesta manhã em uma escola de Suzano, na Grande São Paulo. Durante a sessão, que era apenas de discursos, os deputados presentes fizeram um minuto de silêncio.

A sessão durou cerca de uma hora e meia apenas. A deputada Geovânia de Sá (PSDB-SC), que presidia a sessão, leu um comunicado enviado pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), determinando o encerramento dos trabalhos.

“O presidente Rodrigo Maia comunica que, em respeito e solidariedade às vítimas do ataque ocorrido hoje na escola estadual Raul Brasil, no município de Suzano, São Paulo, a presente sessão ordinária será levantada”, anunciou. O plenário da Casa realizará sessão novamente apenas na manhã desta quinta-feira, 14.

O massacre, ocorrido na manhã desta quarta-feira, deixou ao menos dez mortos. Os dois atiradores se suicidaram durante a ação. As motivações do crime ainda não foram esclarecidas.