ALERTA

Casos de Covid-19 em Mogi das Cruzes sobem para 36; cidade tem 47 pacientes internados

DIFÍCIL Demora no resultado de teste dificulta diagnóstico. (Foto: divulgação)

A Secretaria de Saúde de Mogi das Cruzes acompanha 47 pacientes internados em hospitais do município. Do montante, 17 estão em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) – sendo 12 pessoas que já receberam resultado positivo para o novo coronavírus. Os outros cinco aguardam resultados de exames laboratoriais. A informação foi divulgada na noite de ontem pelo titular da pasta, Henrique Naufel, em transmissão ao vivo nas redes sociais. A cidade confirmou quatro novos casos de Covid-19 nesta sexta-feira e atualmente soma 36 ocorrências.

Nas 10 cidades do Alto Tietê, o total de infectados saltou de 61 para 77 – aumento de aproximadamente 26%. Já as notificações da doença passaram de 1.505 para 1.599, sendo que 511 aguardam resultados de exames.

“O que chama atenção é que cinco pacientes internados na cidade têm menos de 60 anos”, destacou Naufel. “Uma notícia boa é que já tivemos 21 altas de pacientes que estiveram internados – 13 que receberam resultado positivo para a Covid-19 já receberam alta”, afirmou o titular.

“Vou fazer mais um apelo, como médico. Essa sensação de aparente calmaria está fazendo crescer a expectativa para a abertura do comércio. A verdade é que nós estamos exatamente como estava Milão, Itália, há um mês, por isso não percam de vista a ideia do tsunami”, alertou Naufel. “Não teremos leitos suficientes para todos, se todos saírem para as ruas”, acrescentou o secretário.

“Não saiam de casa, faço esse apelo como médico e cientista, não caiam na falácia, não é porque não está acontecendo nada que nada acontecerá”, completou o titular.

“Estamos bastante apreensivos, mas tomando todas as medidas necessárias para estar preparados para a onda que vem”, destacou o prefeito Marcus Melo (PSDB).

Maria Luiza Augusta, ou dona Luiza, como era conhecida, 77 anos, foi a segunda vítima fatal do novo coronavírus em Mogi. Ela tinha uma vasta história no Carnaval mogiano. Era porta-bandeira e sempre fazia questão de ir para a avenida, inclusive desfilou neste ano, de acordo com familiares.

Estado

O Estado de São Paulo registrou ontem 219 óbitos relacionados ao novo coronavírus. O número três vezes maior que o da última sexta-feira (68 mortes). Os casos confirmados também quadruplicaram, saltando de 1.223 para 4.048.

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, dos 219 mortos, 24 tinham mais de 90 anos; 57 estavam na faixa de 80-89 anos; 66 entre 70-79; e 45 de 60-69 anos. As demais vítimas incluem pessoas com menos de 60 anos com comorbidades que, assim como os idosos, representam grupo mais vulnerável a complicações da Covid-19.


Deixe seu comentário