ARTIGO

Comitê de Direitos Humanos da ONU – Bella Roba

Perseu Gentil Negrão

Meu Avô, Odilon Negrão, foi chefe político por mais de 2 décadas e prefeito da cidade de Itápolis, três vezes. Vovô, gostava de contar a seguinte história:
Em determinada campanha eleitoral ele era o prefeito e, no seu partido, havia também um deputado estadual, a maioria dos vereadores e muitas pessoas influentes. Em um comício da oposição, o “animador”, começou com a seguinte lenga-lenga: “Não vos trago o deputado; não vos trago o prefeito; não vos trago os vereadores. Vos trago, sim, Fulano (que era uma figura absolutamente inexpressiva). Acontece que estava na platéia um “infiltrado” do partido de Vovô, descendente de italianos, o qual gritou: “Bella Roba” (grande porcaria). A risada foi geral e o comício foi desfeito.

Acabei de ler que os Advogados do Senhor Luiz Inácio Lula da Silva apresentaram ao Supremo Tribunal Federal um novo comunicado do comitê de Direitos Humanos da ONU, pedindo que o ex-presidente possa disputar a eleição para Presidente da República.

Lembrei, então, do comício relatado por meu Avô: “Não vos trago a decisão em segunda instância, que condenou o ex-presidente, após regular processo, com todas as garantias legais; não vos trago a Lei da Ficha Limpa, sancionada pelo pretendente a candidato, quando exercia o cargo de Presidente da República; não vos trago a decisão do Tribunal Superior Eleitoral; nos vos trago a Constituição Federal; não vos trago a soberania nacional. Vos trago, sim, a recomendação do “Comitê de Direitos Humanos da ONU”.

É o caso de utilizar a sábia expressão do descente de italianos: “BELLA ROBA”.

P.S. Dia 20 de setembro (quinta-feira), entre 18 e 20 horas, estarei na Livraria Ler, situada na Rua Carmela Dutra, 295, autografando o meu Livro “Escrevinhando Causos e Me Emocionando”.