Comtur trará palestras para impulsionar turismo

Armando Campos Mello, presidente-executivo da União Brasileira dos Promotores de Feiras, principal entidade do setor de eventos do Brasil, fará palestra, amanhã, às 14h30, na sede da Escola de Governo da Prefeitura, junto ao Cemforpe, no Nova Mogilar, durante reunião do Conselho Municipal de Turismo de Mogi das Cruzes. O evento que irá tratar do mercado de feiras comerciais como fonte de rendas para a comunidade será o primeiro de uma série que o presidente do Comtur, Fabio Barbosa, está realizando para mostrar experiências positivas aos conselheiros e profissionais do setor de turismo da Cidade e Região. Esse tipo de interação com o mercado turístico teve início em abril, quando esteve na Cidade o presidente da Associação Brasileira da Indústria Hoteleira de São Paulo (ABIH-SP), Bruno Omori. Em agosto, o Comtur receberá Fernando Zuppo, executivo da Associação das Prefeituras das Cidades Estâncias do Estado de São Paulo, que falará sobre a importância das cidades de interesse turístico. “Sobre o mercado de eventos, acreditamos que Mogi e Região têm grande potencial para o desenvolvimento de espaços de eventos e centros de negócios, pois contamos com uma infraestrutura de acesso e transportes muito positiva, a poucos quilômetros do Aeroporto Internacional de Guarulhos, proximidades com o Vale do Paraíba paulista e fluminense”, diz Fábio Barbosa. Ele lembra ainda que São Paulo conta hoje com grandes espaços de convenções e feiras, mas a mobilidade para esses espaços ainda é um desafio. “Nesse contexto é que acredito que Mogi pode sair na frente”, afirma Barbosa, citando que para o desenvolvimento de projetos neste setor é necessário que poder público, em parceria com a iniciativa privada, realize um estudo de viabilidade na Cidade, “pois os maiores beneficiados serão os setores hoteleiro, de alimentos e bebidas, além de toda cadeia produtiva”. Para entender melhor esse mercado latente da região é que o presidente do Comtur está convidando empresários e empreendedores a comparecerem aos eventos, como o de amanhã à tarde, que irão tratar do assunto em Mogi das Cruzes.

Como assim?
Uma leitora diz à coluna que ficou impressionada com o trabalho de um funcionário municipal que tapava buracos, durante a semana passada, na Rua Cruzeiro do Sul, na Vila Oliveira. Após colocar o asfalto no interior da depressão com uma pá, ele usava a própria botina para ajustar os excessos, tanto por cima, como nos lados. “Nunca vi algo assim”, disse ela.

Exemplos
Autor do livro A Grande Virada e comentarista de agronegócios da Rádio Jovem Pan, o jornalista e publicitário José Luiz Tejon estará em Mogi, no próximo dia 28, às 18h30, no auditório do Cemforpe, para falar sobre liderança, motivação e lucratividade. Tejon é personagem de uma impressionante história de vida que ele costuma lembrar para mostrar como é possível tirar proveito das adversidades e, a partir daí, construir uma estrada de grande sucesso. Vale conferir.

Radioweb
Com objetivo inicial de disseminar conteúdo educativo para a Região do Alto Tietê, foi inaugurada há três meses, a Rádio Instituto Federal de Suzano. A emissora que pode ser acessada via internet tem uma programação totalmente produzida e apresentada por alunos e servidores do Instituto Federal suzanense. Durante sua fase de lançamento, a radioweb obteve 120 mil acessos. E pode ser sintonizada no endereço eletrônico www.federalnoar.com.br.

Qual o seu papel?
A Suzano Papel e Celulose está lançando a campanha Qual o seu papel?, para associar a marca Suzano Report a valores relevantes para a sociedade por meio de diálogo e engajamento com o público em geral. É a primeira ação desse tipo da marca em canais digitais. Além de mostrar a conexão entre o papel e a educação, a ideia surgiu também para encontrar maneiras de pensar no coletivo e provocar mobilização para mudanças. A primeira fase mostra a história de dona Eunir, professora aposentada de 78 anos, que criou material didático

COTIDIANO

Juntas, as freiras se dirigem ao interior da igreja, durante  as celebrações do Dia de Corpus Christi, quinta-feira passada, no Município / Foto: Eisner Soares
Juntas, as freiras se dirigem ao interior da igreja, durante as celebrações do Dia de Corpus Christi, quinta-feira passada, no Município / Foto: Eisner Soares

FRASE

Há 71 anos, a morte caiu do céu e o mundo mudou. A memória (das vítimas) nunca deve desaparecer.

Barack Obama, presidente dos EUA, ao visitar Hiroshima, alvo de uma bomba atômica em 1945