HOJE

Concerto no Centro Cultural de Mogi das Cruzes destaca a música espanhola

Hoje, no palco do Centro Cultural, o suzanense Helder Veiga interpretará composições de grandes violonistas espanhóis. (Foto: divulgação)
Hoje, no palco do Centro Cultural, o suzanense Helder Veiga interpretará composições de grandes violonistas espanhóis. (Foto: divulgação)

Neste sábado o público mogiano terá a oportunidade de ouvir composições de alguns dos maiores violonistas espanhóis de todos os tempos. Quem as interpretará, no Centro Cultural, a partir das 20 horas, é o suzanense Helder Veiga, que ganhou em 2015 o concurso nacional de violão.

Sob o nome ‘Pulsares da Espanha’, o repertório exclusivamente instrumental tem sucessos de Isaac Albéniz (1860 – 1909), Francisco Tárrega (1952 – 1909), Joaquín Turina (1982 – 1949) e Federico Moreno Torroba (1891 – 1982). Tratam-se de canções selecionadas a dedo por Helder, que começou a tocar aos 13 anos e depois foi estudar o instrumento na Universidade de São Paulo (USP).

“Quando se escolhe o repertório é preciso observar a variação entre faixas mais rápidas e mais lentas, criando picos entre elas. Pensei nisso e escolhi algumas de grandes compositores, com arranjos agradáveis e numa linguagem mais palatável e próxima ao público”, explica o artista.

Sozinho no palco, Helder fará ainda uma mistura de influências árabes com o folclore andaluz e também com o impressionismo herdado do francês Claude Debussy. Ele explica que entre obras originais para violão e transcrições do piano a ideia é conduzir o espectador “por ritmos e pulsações, escalas e rasgueados típicos de diferentes regiões da Espanha”.

E quem se interessa por este tipo de som? Na opinião do músico, todos a partir dos 12 anos. “Embora a plateia destes eventos seja formada por muitos cantores, não há um público específico. Acredito que haja espaço para a música instrumental no Alto Tietê, sobretudo em Mogi, que talvez detenha a maior cena cultural da região. Por aqui as pessoas ouvem essas canções, e por isso a cidade se torna um bom palco”.

Helder acredita tanto nisso que escolheu o Centro Cultural como local para a estreia do show, que depois deve chegar a outros espaços, inclusive em cidades vizinhas. Segundo ele, boa parte do aprendizado em violão clássico se debruça nas melodias espanholas, e, portanto, a decisão de seguir este caminho foi natural. “Percebi que as pessoas aceitavam mais este repertório do que Villa-Lobos ou músicas mais modernas. Sentindo essa vibração, resolvi unir o útil ao agradável”, encerra ele, que pretende também lançar um CD no futuro.

Os ingressos para ‘Pulsares da Espanha’ custam R$ 15,00 por pessoa e podem ser adquiridos na bilheteria do Centro Cultural, localizado à Praça Monsenhor Roque Pinto de Barros, 360, no Centro. Outras informações sobre o concerto estão disponíveis pelo telefone 4798-6988.