CASO

Condutora acusada de atropelar e matar homem em Mogi das Cruzes é detida

Câmeras da Ciemp identificaram responsável por atropelamento que matou um homem. (Foto: reprodução - Ciemp)
Câmeras da Ciemp identificaram responsável por atropelamento que matou um homem. (Foto: reprodução – Ciemp)

A auxiliar administrativa Fernanda Cristina Leite Geraes, de 30 anos, foi detida e encaminhada à Cadeia Feminina de Poá. Ela é acusada de atropelar e matar um homem de 36 anos, identificado como Duilio Aparecido de Jesus, que transitava na calçada da Avenida Fernando Costa, na altura da Vila Rubens, em Mogi das Cruzes, na manhã do último domingo (03). Uma idosa de 62 anos também foi atingida e ficou ferida.

A motorista fugiu após o atropelamento, porém a Polícia Militar identificou seu carro por meio de imagens das câmeras da Central Integrada de Emergências Públicas (Ciemp).

A advogada de Fernanda informou que sua cliente teve a liberdade provisória concedida em audiência de custódia e responderá em liberdade pelo crime. Na delegacia, a acusada disse que na hora do acidente voltava de uma festa e que não se lembrava o que tinha acontecido. A mulher negou ter ingerido bebida alcoólica

O caso foi registrado como homicídio culposo na direção de veículo automotor, lesão corporal culposa na direção de veículo automotor e fuga de local de acidente.


Deixe seu comentário