Data para não ser esquecida

O dia 18 de maio é uma data para não ser esquecida: é o dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Foi neste dia, em 1973, que uma menina de oito anos foi violentada e brutalmente assassinada no Espírito Santo. O caso mobilizou todo país e trouxe para discussão o combate a esse tipo cruel de violência.

Balanço da Secretaria Nacional dos Direitos Humanos, responsável pelo Disque 100 – serviço gratuito nacional para denúncias, aponta que o Estado de São Paulo registrou cerca de 16 mil denúncias em 2015 sobre violações de direitos de crianças e adolescentes, sendo 15,6% relacionados à violência sexual.

É preciso estar atento também aos crimes sexuais praticados contra crianças e adolescentes no espaço virtual. Por exemplo o grooming, uma violência que geralmente começa com uma amizade virtual por chats e redes sociais e o sexting ou nude selfie que é o compartilhamento de fotos íntimas em sites e aplicativos como o WhatsApp, muitas vezes realizado por conhecidos num movimento conhecido como revenge porn.

Nos Centros de Referência Especializados da Assistência Social (CREAS) foram realizados, em 2015, cerca de 25,4 mil atendimentos, sendo 17% relacionados à violência sexual infantil. Na maior parte dos casos, a situação constatada revela mais de um tipo de violação associada. Como exemplo podemos citar a negligência (abandono) e as violências físicas (agressão, homicídio, maus tratos), psicológicas (ameaça, chantagem e perseguição) e sexuais (abuso, estupro, exploração, grooming, sexting, pornografia).

Por isso é fundamental fortalecermos a rede socioassistencial de apoio às crianças e adolescentes. São 11 milhões de pessoas na faixa etária de 0 a 19 anos, cerca de 27% da população paulista. Proteger as crianças e adolescentes dessas formas de violência que marcam para sempre suas vidas é missão de todos nós. O dia 18 de maio não pode ser esquecido e essa causa também precisa ser sua!

Floriano Pesaro é deputado federal e secretário de Estado de Desenvolvimento Social de São Paulo