AÇÃO DA GUARDA MUNICIPAL

Dupla é presa ao ser flagrada desmatando área no Jardim Aeroporto II

Terreno desmatado fica na Avenida Profª Joaquina de Oliveira Ruiz, próximo ao Rio Jundiaí. (Foto: Ney Sarmento/PMMC)
Terreno desmatado fica na Avenida Profª Joaquina de Oliveira Ruiz, próximo ao Rio Jundiaí. (Foto: Ney Sarmento/PMMC)

Dois homens foram detidos pela Guarda Municipal de Mogi das Cruzes, no final de semana, por crime ambiental em área do Jardim Aeroporto II. Os agentes flagraram a dupla desmatando terreno na Avenida Professora Joaquina de Oliveira Ruiz, próximo ao Rio Jundiaí. O caso foi registrado no 2º Distrito Policial e os acusados permaneceram presos.

A denúncia foi recebida por meio da Central Integrada de Emergências Públicas (Ciemp), que acionou as equipes na rua. Os guardas municipais flagraram os dois homens no local onde acontecia o corte de árvores. No local também foram apreendidas duas marretas, um machado, pé de cabra, martelo, arame farpado e uma chave inglesaMun.

O combate à ocupação irregular em áreas de risco e de proteção ambiental é uma preocupação da Prefeitura de Mogi das Cruzes. A Secretaria de Segurança conta com uma equipe específica de fiscalização para este trabalho, que também tem apoio da Guarda Municipal e do Departamento de Fiscalização de Posturas.

“A participação da população neste trabalho também é importante, com denúncias. Com isso, é possível o deslocamento de equipes para os locais, evitando a ocupação, que traz uma série de problemas para a comunidade”, destacou o secretário municipal de Segurança, Paulo Roberto Madureira Sales.

O secretário lembrou ainda que a Administração Municipal realiza o monitoramento constante de áreas de proteção e de risco para inibir a ocupação irregular. Além disso, no ano passado, a Prefeitura criou a Patrulha Rural, um grupamento da Guarda Municipal responsável pelo trabalho em regiões mais distantes da malha urbana. Além de realizar um trabalho preventivo de segurança, a equipe também auxilia no combate a ocupações irregulares de áreas.

O telefone da Ciemp para denúncias é o 153.