É impossível!

Continuo não entendendo por que as pessoas com viseiras de asno não as retiram para ver melhor. É impossível não enxergar o óbvio. O País está um caos. As “pedaladas” deram prejuízos em torno de 800 milhões. A Petrobrás, uma das maiores empresas do mundo, foi afundada pelos petistas. Deu prejuízo, o ano passado, de 34 bilhões. O Brasil, no plano internacional, está à beira do abismo. A representatividade do Itamaraty foi totalmente “esquecida” pelo governo Dilminha. Dizer que a “presidenta” não está envolvida em nenhum caso de corrupção é piada. O que dizer do testemunho dos executivos da Andrade Gutierrez, sobre os 175 milhões vindos das propinas da Belo Monte, para as suas campanhas? Só isso, já demonstra a inviabilidade do processo eleitoral (que, em minha opinião, é suspeito…). O que dizer da compra da enferrujada Refinaria de Pasadena, quando ela era “presidenta” do Conselho da Petrobrás, sendo que a diretoria não poderia efetuar nenhuma negociação sem o aval do mesmo? Querem mais? Viabilizar o Lula-lá para ministro, para salvá-lo da Lava Jato, numa clara demonstração de interferência no Judiciário. Não é crime? Será que não entendem que esse governo não tem mais credibilidade? No plano nacional e no plano internacional. Não morro de amores pelo Temer. Temo, só de pensar. No entanto, precisamos mexer! Precisamos de alguma coisa nova, para “chacoalhar” a bolsa, para dar novo ânimo. Isso vai acontecer, se essa “dona da verdade” e esse “dono pixuleco” sumirem do nosso mapa. Por favor, tirem as viseiras para enxergar melhor!

Nozor Roberto da Costa
nozor-costa@uol.com.br


Deixe seu comentário