BALANÇO

Eduardo Boigues, delegado titular do Garra, divulga prisão de 365 criminosos em 2019

PLANO Delegado Boigues diz que cumpriu a meta neste ano. (Foto: arquivo)
PLANO Delegado Boigues diz que cumpriu a meta neste ano. (Foto: arquivo)

O delegado Eduardo Boigues, titular do Garra (Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos), divulgou ontem à imprensa o balanço das atividades realizadas por suas equipes durante o ano. Ao todo, conforme a estatística, foram presos em Mogi e região do Alto Tietê, 365 criminosos autores de crimes diversos que vão desde tráfico de drogas como autores de latrocínios (matar para roubar), homicídios, roubos, furtos, violência doméstica, estelionato e outros.

No ano passado, ao falar a O Diário, a autoridade destacou o projeto que pretendia realizar em 2019. “Cumprimos as nossas metas, procurando reduzir a criminalidade através de nosso trabalho que é feito com o apoio do delegado seccional (Jair Barbosa Ortiz), afirmou Boigues.

Ao todo, o Garra atendeu 358 ocorrências, entre as quais, 54 autos de prisão em flagrante e a apreensão de 31 adolescentes infratores. Os policiais coordenados pelo investigador chefe Paulo Pagano também cumpriram 181 mandados de criminosos procurados e 99 mandados na esfera civil, em sua maioria, detenções de devedores de pensão alimentícia.

Entre os serviços prestados pelo Garra está a prisão de Jasiane Teixeira, a “Dona Maria”, em Biritiba Mirim. Ela é da Bahia e apontada como a maior traficante do Brasil.


Deixe seu comentário