INFORMAÇÃO

Em discussão, a presença dos militares na política

DEPÓSITO Monumento de origem japonesa instalado na praça Oswaldo Cruz é utilizado para guardar roupas de frequentadores. (Foto: Eisner Soares)
DEPÓSITO Monumento de origem japonesa instalado na praça
Oswaldo Cruz é utilizado para guardar roupas de frequentadores. (Foto: Eisner Soares)

Evento acontece no sábado, na Câmara de Mogi das Cruzes

A eleição de um grande número de militares para o Congresso Nacional, na esteira da chegada de Jair Bolsonaro, capitão da Reserva do Exército, ao cargo de presidente da República, tem sido interpretada como um sinal de que o espaço para a turma dos quartéis pode ser ampliado nas eleições do próximo ano, quando serão escolhidos os futuros prefeitos e vereadores de todo o País. Um indicativo de que o assunto ganha cada vez mais corpo entre militares, especialmente os integrantes de forças policiais, é a realização, neste sábado, entre 9 e 13 horas, na Câmara Municipal de Mogi, do 3º Workshop “O Policial na Política”, que trará à cidade alguns nomes que começam a ganhar peso entre os eleitos nas eleições passadas. O deputado federal Coronel Tadeu (PSL-SP) e o deputado estadual Major Mecca (PSL) serão os principais convidados do evento que a Associação dos Oficiais, Praças e Pensionistas da Polícia Militar do Estado de São Paulo (AOPP) e a Comissão Permanente de Estudos de Assuntos de Interesse dos Policiais Militares (CEPM) estarão promovendo para debater a experiência desses militares no Congresso e Assembleia. A presença de colegas da região interessados em ingressar na política deverá marcar o debate, já que será uma excelente oportunidade para os parlamentares comentarem sobre o trabalho de cada um deles “do outro lado do balcão” e revelar também o caminho das pedras por eles perseguido em busca dos votos que os levaram a ocupar os cargos que possibilitem a defesa de interesses da categoria. A questão salarial é um deles e, será tema obrigatório nas palestras que ambos farão para os presentes. O caminho do PSL, partido que abriga o maior número de militares eleitos no pleito passado, já começa a ser definido na cidade. Agora nas mãos do coronel Carlos Nakaharada, a agremiação dá mostras de que pretende participar ativamente das próximas eleições. Ainda não se sabe se com um candidato a prefeito, mas certamente com a chapa completa de candidatos à Câmara Municipal. Sinal de que o presidente da Regional da AOPP, Aristides Florindo de Faria Filho, acertou em cheio ao promover o workshop para debater o policial e sua relação com a política.A presença de um público específico no evento será a prova de que os militares vão buscar ocupar mais espaço na política local a partir do próximo ano. A conferir.

Chuva no molhado

Integrantes da Regional de Mogi da Central Única dos Trabalhadores encaminharam um longo documento ao deputado federal Marco Bertaiolli (PSD) com argumentos para tentar demovê-lo de sua posição favorável ao projeto de reforma da Previdência Social. Entre as alegações, a de que a PEC 06/2019 não é uma reforma, mas “o desmonte da Previdência e Seguridade Social no Brasil”. Um apelo que dificilmente surtirá efeito: Bertaiolli tem dito e repetido, quando indagado, que seu voto será mesmo a favor da reforma previdenciária.

Finalista

O prefeito Marcus Melo viaja para Brasília na próxima quarta-feira (dia 5), para participar da final do Prêmio Sebrae – Prefeito Empreendedor. Os projetos do Polo Digital (1º lugar na categoria Inovação e Sustentabilidade) e Sala do Empreendedor (1º lugar na categoria Desburocratização), classificados na disputa de São Paulo, irão concorrer com os premiados do restante do País. A batalha final será na sede nacional do Sebrae, na Asa Sul da Capital Federal.

Negócios

A Prefeitura de Guararema encontrou uma fórmula para fortalecer setor empresarial e as indústrias do município e, ao mesmo tempo, fomentar serviços locais e atrair novos investimentos para desenvolvimento econômico e a geração de empregos e renda. O município vem realizando o “Café de Negócios”, reuniões periódicas, onde os empresários se reúnem para trocar informações e entabular negociações. O encontro segue para a sétima edição.

Na Espanha

O jogador de futebol mogiano, Felipe Augusto, decidiu trocar o Futebol Clube do Porto, de Portugal, pelo espanhol Atlético de Madri. O negócio rendeu ao clube português 20 milhões de euros. Felipe completou 30 anos no dia 16 de maio e chegou a Portugal em julho de 2016, vindo do Corinthians, por 8,2 milhões de euros. O brasileiro tinha uma cláusula de rescisão de 50 milhões de euros, mas o clube luso deixou o jogador seguir para Madri por menos da metade do valor.

O campo da derrota não está povoado de fracassos, mas de homens que tombaram antes de vencer.

Abraham Lincoln (1809-1865) foi um político norte-americano que serviu como o 16º presidente dos Estados Unidos