EQUIPE

Em Mogi, cinco mil pessoas trabalharão nas eleições

Mesários irão atuar na 74ª, 287ª e 319ª zonas eleitorais da Cidade. (Foto: Arquivo)
Mesários irão atuar na 74ª, 287ª e 319ª zonas eleitorais da Cidade. (Foto: Arquivo)

Aproximadamente cinco mil mogianos serão mobilizados para trabalhar nas eleições marcadas para acontecer no próximo dia 7. Para o pleito, pouco mais de 309 mil eleitores de Mogi das Cruzes estão aptos a votar. A Cidade conta com três zonas eleitorais – 74ª, 287ª e 319ª -, mesários da primeira já tiveram o treinamento necessário, enquanto a segunda vem sendo preparada e a 319ª será a última a passar pelo processo necessário.

“Após os mesários serem nomeados, é designado um dia para que eles passem por um treinamento teórico e prático. Nesta ocasião, passamos as questões legais do dia da eleição, as prioridades de voto – como gestantes e idosos – e as operações com a urna, como ela funciona, os documentos por ela emitidos, boletim de justificativa, forma de encerramento, entre outras coisas”, explicou Marcos Chaves dos Reis, chefe de cartório e responsável pela 74ª Zona Eleitoral.

Com candidatos concorrendo a cargos do Legislativo e Executivo em nível estadual e Executivo em nível federal, quem prepara a tabela que será utilizada nas urnas são os tribunais Regional Eleitoral (TRE) e Superior Eleitoral (TSE). Após este programa ficar pronto, quem o instala são os cartórios regionais. Assim, os candidatos e partidos – já levando em consideração a decisão de deferimento ou indeferimento – vão para as urnas com seus respectivos números.

Tradicionalmente marcada para os domingos, as eleições acontecem em instituições de ensino. “A situação de como estará o local depende muito de cada escola. Em algumas delas, no sábado, o diretor já designa pessoas que trabalham por lá para deixar tudo pronto. Então eles já deixam com o layout da seção de votos pronto. Mas em outros lugares, salas ficam vazias, só com as carteiras e o presidente da seção chega e organiza a configuração necessária”, disse Reis.

Todo o equipamento necessário chega aos locais de votação transportado por veículos cedidos pela Prefeitura. A 319ª Zona conta ainda com eleitores de Biritiba Mirim e Guararema e, por isso, são usados carros das respectivas administrações municipais. Alguns materiais já são transportados na sexta-feira e outros no sábado. Desta maneira, as instituições de ensino, assim como o transporte, têm escolta da Polícia Militar.

Ao final da votação, os arquivos com os resultados são encaminhados ao Cartório, que é responsável por transmitir os votos para os cargos de deputados federal e estadual, senador e governador ao TRE e os votos para presidente são enviados ao TSE.