NAS RUAS

Encontro em Mogi discute assistência e oportunidade de trabalho

Representantes do ‘Movimento População em Situação de Rua’ de Mogi das Cruzes promovem na manhã desta sexta-feira um encontro na cidade para discutir algumas reivindicações e a implementação de novas políticas públicas no município para melhorar o atendimento a essas pessoas nas áreas de saúde e assistência social.

O encontro acontecerá a partir das 8h30, na Casa Emanuel, um local de acolhimento, instalado à rua Antônio Melo e Silva, número 40, no bairro do São João. Estão sendo esperados representantes das secretarias municipais de Assistência Social e de Saúde, diretores de equipamentos públicos que dão atendimento a essa população, como do Centro Pop – um equipamento da Proteção Social Especial de Média Complexidade -, além de lideranças da cidade ligadas a área.

Um dos integrantes do Movimento, Roberto Alves Peixe disse que durante o encontro pretendem discutir a ampliação da abordagem de assistentes sociais nas ruas, a necessidade de oferecer mais conforto para atrair essas pessoas ao Centro Pop, garantir um atendimento humanizado nos equipamentos públicos, ampliar assistência psicológica aos dependentes químicos através do Centro de Atenção Psicossocial; facilitar o encaminhamento dos desabrigados aos abrigos e casas de acolhimento, entre outras questões.

“A maior parte dessa gente não está nas ruas porque quer. Precisamos ampliar a discussão com os órgãos públicos para oferecer mais perspectiva a essas pessoas. Não basta, por exemplo, oferecer cursos de qualificação, tem que dar apoio e ajudar a encaminhar para o mercado de trabalho”, argumenta Peixe.


Deixe seu comentário