FORMAÇÃO

Escolas de Artes AJPS inscreve para aulas gratuitas

PRÁTICO Todas as aulas resultam em espetáculos como ‘O Auto da Compadecida’, encenado na temporada passada e que deve voltar ao palco do Teatro Vasques no próximo mês de abril. (Foto: divulgação)

Aulas de balé clássico, acrobacia, dança contemporânea, danças urbanas e instrumentos musicais, num espaço onde também se aprende conceitos de cidadania, ética, respeito, convívio em harmonia e outras coisas mais. Por essa descrição, pode parecer algum curso pago, mas é uma programação gratuita, da Escola de Artes AJPS, em César de Souza, que comemora 25 anos de existência em 2020. As inscrições para as atividades, que começam amanhã, ainda estão abertas, para pessoas de todas as idades.

Para cada uma das modalidades descritas em quadro nesta página, há aproximadamente 30 vagas divididas em turmas, não necessariamente por idade, mas por pequenos grupos de alunos. O pensamento é moderno, e vai além da tradicional divisão de participantes por faixa etária, entendendo que todos podem contribuir e somar.

Como explica a coordenadora de cultura da instituição, Rita Bonfim, as turmas são montadas de modo a “despertar as pessoas a lidarem com as diferenças”. “Na AJPS a gente prega a importância do respeito e da compreensão, o que acontece com muita naturalidade”, diz ela.

Em outras palavras, as “aulas continuadas” vão além da técnica, instigando os alunos a “se lançarem na arte”, o que Rita considera “indispensável para a cidade”, não só pela formação artística em si, mas principalmente pelo apelo à ética e ao sentimento de colaboração.

São exemplos disso alguns ex-alunos, hoje professores na própria escola e também em outras instituições, e ainda outros que fizeram carreira como artistas no exterior, como uma jovem que acaba de retornar da China. O cenário só reforça o que costuma-se dizer, que “Mogi é um celeiro de artistas” e que exporta muitos de seus talentos.

Como costumam ser as atividades da casa, as aulas não são pagas, e estão abertas inclusive para quem não tem experiência. Aliás, apesar do calendário de ações da AJPS começar agora em março, no mês passado o espaço ofereceu workshops e oficinas pelo Programa Municipal de Fomento à Arte e Cultura (Profac), que já mostravam a que vem a programação de 2020: “manifestar, aprender e disseminar arte”.

Espetáculo

Mesmo sem cobrar taxa de matrícula ou mensalidade, a casa precisa sobreviver, ou seja, pagar o salário dos professores, ficar em dia com impostos e arcar com a manutenção da sede, instalada há 19 anos no número 740 da Rua Catarina Carrera Marcatto, em César de Souza.

Como fazer isso? Além dos muito importantes patrocínios e doações, a solução é ter criatividade. A principal aposta é um espetáculo anual, no qual até mesmo os estudantes novatos podem participar. Em 2018, o tema escolhido, em comum acordo entre os alunos, foi Frida Kahlo, pintora mexicana e símbolo de resistência feminina, com 110 crianças e adolescentes no palco do Teatro Vasques.

No ano passado, em dezembro, foi a vez da obra de Ariano Suassuna, ‘O Auto da Compadecida’, ganhar uma montagem. Novamente, 100 alunos estiveram em cena, o que deve se repetir não só na peça de 2020, que segue sem tema definido por enquanto, mas ainda com as aventuras de Grilo e Chicó no sertão da Paraíba, já que a montagem deve voltar à cena em abril.

Outras informações sobre a agenda estão disponíveis em facebook.com/EscoladeartesAJPS ou pelo telefone 4792-8139.

ATIVIDADE

CATEGORIA

DIA

HORÁRIO

Balé Clássico

Avançado

Segunda-feira

19h às 22h

Acrobacia solo Avançado

Avançado

Segunda-feira

18h30 às 20h30

Dança contemporânea

Infantil

Terça-feira

18h30 às 20h30

Balé Clássico

Avançado

Quarta-feira

19h às 22h

Acrobacia solo infantil

Iniciante

Quinta-feira

18h30 às 20h30

Balé Infantil

Iniciante

Quinta-feira

18h30 às 20h30

Danças Urbanas

Iniciante/ Avançado

Sexta- feira

17h às 19h

Violão

Iniciante

Sábado

09h às 10h

Violão

Iniciante

Sábado

10h às 11h

Charanga

Avançado

Sábado

09h às 12h

Teatro

Livre

Sábado

09h às 11h

Teatro

Infantil

Sábado

11h às 13h

Acrobacia aérea

Juvenil

Sábado

09h às 11h

Acrobacia aérea

Avançado

Sábado

11h às 13h

Espaço de resistência comemora 25 anos

Pode parecer estranho hoje, mas a coordenadora de cultura da Escola de Artes AJPS, Rita Bonfim, conta que a instituição começou “sem menor pretensão de lidar com arte”. É que, em 1995, quando foi fundada, a entidade tinha foco na assistência social, mas aos poucos a arte e cultura foram ganhando espaço e força.

Feliz por poder comemorar 25 anos de trabalhos de formação artística e também de público, tempo que considera ter passado rápido, Rita diz que agenda de 2020 será “over”, termo que sugere, neste caso, muitos projetos em curso.

É de se esperar que tudo seja “maior”, a exemplo de uma “mostra interna de resultados”, espécie de apresentação do que os alunos aprenderam nos últimos meses, que cresceu e passará a ser dividida em duas datas, uma em junho e outra em agosto.

Além disso, vem por aí uma “ocupação” da AJPS no Centro Cultural de Mogi: uma exposição de figurinos e fotos do passado, com direito a um dia inteiro de coreografias e apresentações, numa retrospectiva ainda a ser marcada, mas provavelmente também para agosto.


Deixe seu comentário