ATRAÇÃO

Espetáculo no Sesi de Mogi das Cruzes reverencia mamulengo

PARCERIA ‘Goitá’, espetáculo que faz referência à capital brasileira do mamulengo, fantoche típico do nordeste, é uma produção das companhias Cisne Negro com a Pia Fraus. (Foto: divulgação)

O palco do Sesi de Mogi das Cruzes recebe o espetáculo ‘Goitá’ nesta sexta-feira, dia 4, em dois horários, às 15 e 19 horas. A atração que homenageia o universo mamulengo pernambucano nasceu da parceria entre a Cisne Negro Cia. de Dança e a Pia Fraus, companhia de teatro de bonecos. A entrada é gratuita e os ingressos podem ser reservados pelo www.sesisp.org.br/meu-sesi.

Em um tempo em que predominava o forró, o frevo, o baião, transmitidos pelas ondas da rádio, Goitá se passa em pleno mercado municipal, com barracas vendendo uma infinidade de produtos de pequenos agricultores e artesãos locais. Nesse ambiente rústico, surgem os bonecos para alegrar o ambiente.

O nome do espetáculo foi inspirado em Glória do Goitá, uma pequena cidade localizada a 60 quilômetros de Recife, conhecida como a capital brasileira do mamulengo – um tipo de fantoche típico do nordeste brasileiro, considerado patrimônio cultural do Brasil.

O desafio de integrar as linguagens da dança ao teatro popular de bonecos foi a inspiração da Cisne Negro, companhia que durante 44 anos de trajetória se aventura na construção de uma linguagem artística própria. Para a criação de ‘Goitá’, convidou a Pia Fraus, companhia que há mais de 30 anos trabalha com teatro de bonecos, tendo se apresentado em 24 países diferentes e nos principais festivais nacionais e internacionais de teatro.

O endereço é Rua Valmet, 171, em Braz Cubas. O telefone para mais informações é o 4723-6900.

Peça inspirada no cangaço é cartaz em Suzano

Espetáculo inspirado no universo do cangaço, ‘O Circo de Lampezão e Maria Botina’, da companhia Caravana Tapioca, será encenado no Sesi de Suzano, nesta sexta e sábado, às 15 e 16 horas, respectivamente.

Utilizando máscaras, dois artistas revezam-se em diversos personagens, tornando a trama mais interessante. Entre trapalhadas e botinadas, eles tocam chocalhos de cabra, fazem malabarismo com baldes, mandacarus, chicote, magia e muito mais, para contar a história de um casal anônimo do sertão.

O espetáculo mescla os elementos do circo, teatro e música no palco do Sesi suzanense, localizado à Av. Senador Roberto Simonsen, 550, no Jardim Imperador. A entrada é gratuita e os ingressos podem ser reservados pelo sistema Meu SESI www.sesisp.org.br/meu-sesi.


Deixe seu comentário