AMBIENTAL

Habilitados para conselho são divulgados

O nome das entidades habilitadas para disputar a eleição do Conselho Mogiano de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Conoma) foi publicado ontem pela comissão eleitoral. A escolha dos componentes do órgão será feita no próximo dia 14. Responsável pelo direcionamento das políticas ambientais, o Conoma tem força para desenvolver e propor ações de grande impacto na vida das pessoas e da cidade, bem como opinar e fiscalizar a execução de projetos particulares e públicos que interferem de alguma forma no meio ambiente. Por isso, a disputa por uma cadeira neste colegiado é sempre concorrida.

Foram relacionadas como habilitadas a votar, após terem se inscrito para isso, as seguintes entidades, que representam os eixos que integram o Conselho de Classe: Associação dos Servidores Municipais de Mogi das Cruzes (ASMMC), Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Mogi das Cruzes (AEAMC); e Ordem dos Advogados do Brasil – 17ª Subseção de Mogi das Cruzes.

Representando as entidades empresariais: a Associação Gestora do Distrito Industrial do Taboão (Agestab) e o Centro das Indústrias do Estado de São Paulo do Alto Tietê (Ciesp). No bloco das entidades acadêmicas e de pesquisa estão a Organização Mogiana de Educação e Cultura e a Faculdade de Tecnologia de Mogi das Cruzes (Fatec). Nas entidades sindicais dos trabalhadores, o Sindicato dos Trabalhadores em empresas de transportes rodoviários de Mogi das Cruzes, Suzano, Guararema, Biritiba Mirim e Salesópolis e Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Papel, Papelão e Cortiça de Mogi das Cruzes e Região.

Há apenas um integrante ligado aos Movimentos Sociais e Populares: a Associação de Moradores Alfa Jundiapeba Regularização de Moradias. Ligadas à Organização Não Governamental (ONGs), ao terceiro setor e ao meio ambiente estão o Instituto Embu de Sustentabilidade – IES; o Instituto Ecofuturo – Futuro para o Desenvolvimento Sustentável; e o Paraíso da Fonte.

A eleição será na sede da Secretaria do Verde e Meio Ambiente (rua Braz Cubas, 470, no Centro), das 9 às 12 horas.


Deixe seu comentário