NA CADEIA

Homem confessa ter matado mulher a enxadada em Suzano e é preso

Suspeito estava foragido e foi encontrado na casa de parentes, na Paraíba. (Foto: Divulgação)
Suspeito estava foragido e foi encontrado na casa de parentes, na Paraíba. (Foto: Divulgação)

O delegado Rubens José Angelo, titular do Setor de Homicídios de Mogi das Cruzes, indiciou ontem em inquérito Caíque da Silva Cabral do Nascimento por assassinato tendo uma das qualificadoras o feminicídio. Após a descoberta do crime pelos policiais civis Emily, Celso Marco (chefe), Djalma, Valmir e a escrivã Gláucia, a autoridade indiciou Caíque, que fugiu para a Paraíba. Nesta terça-feira, uma equipe o trouxe para Mogi.

Ontem, ele confessou que em 30 de abril último, no Bairro Miguel Badra, em Suzano, agrediu a jovem Aline Pereira da Silva, de 27 anos, com uma enxada, porque “depois de transarmos ela quis cobrar”. Aline ficou internada uma semana no Hospital Santa Marcelina e faleceu. O delegado Rubens não acredita que a versão do criminoso seja verdadeira. “Ao concluir o inquérito vou pedir a prisão preventiva dele para a Justiça”, concluiu.