JUNDIAPEBA

Homem morre atropelado em distrito

Um inquérito policial será aberto para esclarecer a causa do atropelamento de Edson Quirino dos Santos, de 35 anos, na manhã do último domingo na avenida Presidente Altino Arantes, em Jundiapeba. Ele ficou gravemente ferido e faleceu na tarde de segunda-feira no Hospital Luzia de Pinho Melo, no Mogilar.

Segundo os primeiros levantamentos realizados durante o registro da ocorrência no Distrito Central, a vítima se encontrava deitada na frente do veículo quando foi atropelada.

A versão do atropelamento foi contada pelo corretor de imóveis Dimas Soares Pereira, de 42 anos. Ele explicou que estava no local, na frente de um comércio, parado com a sua Chevy Spin, aguardando a chegada de um cliente. “Quando ele chegou, entrou no veículo e deu partida. Na hora, senti que havia passado em cima de algo, fui verificar e era um homem. Logo providenciei o socorro”, afirmou Dimas Soares aos policiais ao comparecer à delegacia. O cliente Ailton Alves Pereira, de 37 anos, é a testemunha do corretor.

O acidente registrado como homicídio culposo (sem intenção) foi encaminhado nesta terça-feira à tarde ao 4º Distrito Policial, em Jundiapeba, e deverá ser investigado.


Deixe seu comentário