INFORMAÇÃO

Juíza mogiana condena empresa por demissão

NA SUÍÇA O vereador mogiano Caio Cunha, do PV, posa diante da Universidade de Zurique, onde participou de um curso a respeito de Segurança Pública e Educação. (Foto: Divulgação)

Funcionária foi mandada embora porque bebeu água durante expediente

É mogiana a juíza titular da 57ª Vara da Justiça do Trabalho da Capital, Luciana Bezerra de Oliveira, que condenou uma cafeteria de São Paulo que demitiu uma funcionária por beber água durante o expediente. A magistrada é filha do advogado Antonio Bezerra de Oliveira. O assunto ganhou repercussão na Imprensa que destacou o fato de a empresa GR Serviços e Alimentação, proprietária de uma franquia  da cafeteria Casa do Pão de Queijo, devido a dispensa de uma colaboradora que tomou uma garrafa de água de 500 ml durante o trabalho. A empresa promete recorrer. A decisão judicial determinou o pagamento de indenização por dano moral equivalente a R$ 12.291, juntamente com verbas relacionadas à dispensa sem justa causa que, juntas, totalizam R$ 35 mil. Segundo a Justiça do Trabalho, durante o julgamento, foi constatado que a empresa não fornecia água nem disponibilizava filtro ou bebedouro para os empregados, deixando de cumprir regras previstas pelo Ministério do Trabalho e Emprego. A juíza Luciana Bezerra foi enfática, ao afirmar a firma “não contratou robôs”. “Seus empregados são seres humanos e, por isso, não se trata de luxo ou capricho, mas de necessidade fisiológica. A atitude de despedir sua empregada por justa causa por beber uma garrafa de água é, além de um exagero, um exemplo de desrespeito ao mais elementar direito de qualquer ser humano, que é o de matar a própria sede”, afirmou a magistrada. A mulher dispensada do serviço tem 21 anos e atuou como atendente em lojas do grupo durante ao menos três anos, na Estação Rodoviária do Tietê, em São Paulo. Moradora de Arujá, ela viajava, diariamente, de ônibus, durante uma hora, para se dirigir ao local de trabalho. Ela contou à Imprensa que, de início, havia um bebedouro na loja, mas o equipamento foi removido e ela diz ter recebido orientação de que poderia consumir uma garrafa de água da loja, desde que fosse anotado num caderno específico. “Foi o que fiz”, contou ela, que está desempregada desde dezembro do ano passado. Ela lembra que, ao voltar do almoço, o gerente a chamou ao setor de Recursos Humanos, onde lhe mostrou uma foto dela bebendo água. A funcionária contou que insistiram para que assinasse um documento atestando sua demissão por justa causa. Ela disse que sabia da existência da câmera de monitoramento e que não via qualquer problema de ter sido filmada tomando água. Orientada por um parente, ela procurou a advogada Vanessa Antunes de Oliveira que ingressou com a ação junto à Justiça do Trabalho pleiteando indenização que lhe foi concedida pela Justiça do Trabalho. A GR já informou que recorrerá da decisão, enquanto a Casa do Pão de Queijo informa que abriu uma investigação interna para apurar o ocorrido e irá tomar “todas as medidas cabíveis.”

Documentário
Um documentário irá contar toda a trajetória de Neymar Jr., desde a infância em Mogi das Cruzes, até se tornar o jogador de futebol mais caro do mundo. É o que revela o colunista Lauro Jardim, de O Globo. Segundo ele, o filme que teve o orçamento de R$1,7 milhão aprovado pela Ancine na semana passada, será exibido na TV paga. A produção é da Canal Azul, que já rodou filmes sobre o Corinthians, Palmeiras, Santos, e uma série sobre o centenário da Seleção Brasileira.

Em Zurique
O vereador mogiano Caio Cunha (PV) já está de volta de um período de estudos na Universidade de Zurique, na Suíça. Ele foi um dos 20 selecionados pela Fundação Lemann para bolsa no curso “Construindo uma agenda pela Educação e Segurança Pública”. Com todas as despesas por conta do programa, a formação aconteceu entre os dias 5 e 7 de junho.

Dobradinhas
Com Marco Bertaiolli (PSD) dobrando com Marcos Damásio (PR) e Junji Abe (MDB) saindo em parceria com seu filho Juliano Abe (MDB), a Gondim Teixeira (PTB) restará consolidar a dobradinha com o virtual candidato a federal, Chico Bezerra (PSB). Antes, porém, terá de garantir a candidatura de Bezerra, motivo de dúvidas para muita gente. Pelo menos até agora.

Acessibilidade
Novos Paradigmas em Acessibilidade Digital” é o seminário que a Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência de São Paulo, ira realizar no próximo dia 19, das 14 às 16 horas, no InovaBra –Habitat, no número 2.529 da Avenida Angélica, na Consolação. Destinado a apresentar novas iniciativas para uma internet mais inclusiva, o evento terá debates sobre os temas “Web para todos”, “Selo de Acessibilidade Digital”, “Prêmio WSA Brasil 2018”, e “Acessibilidade sob a ótica do G3ict”. Além do secretário Cid Torquato, que é de Mogi, o evento terá como palestrantes James Thurston, Tore Haugland, Simone Freira, Fabíola Calixto e Sidney Tobias, todos especialistas no assunto. Inscrições em: http://bit.ly/Acessibilidade Digital/Paradigmas . Código: SMPED.

Cotidiano

NA SUÍÇA O vereador mogiano Caio Cunha, do PV, posa diante da Universidade
de Zurique, onde participou de um curso a respeito de Segurança Pública e Educação. (Foto: Divulgação)

Frase
Como nenhum político acredita no que diz, fica sempre surpreso ao ver que os outros acreditam nele.
Charles De Gaulle (1890-1970), general, político e presidente francês que liderou as Forças Francesas Livres durante a Segunda Guerra Mundial