INFORMAÇÃO

Juliano espera repetir dobradinha em 2020

Segundo ele, o seu pai, Junji Abe, não voltará a disputar cargos eletivos

Se depender da opinião do prefeito em exercício de Mogi, Juliano Abe (MDB), a dobradinha com Marcus Melo (PSDB) deverá ser repetida nas eleições majoritárias do próximo ano, em Mogi das Cruzes. Mesmo deixando claro que ele e Melo ainda não conversaram especificamente sobre a definição de candidaturas para o pleito, o político se mostrou disposto a voltar a concorrer como vice, ao lado do atual prefeito e virtual candidato à reeleição, na disputa pela Prefeitura de Mogi. Com isso, Juliano sepulta de vez os rumores dando conta de que ele poderia ficar de fora da próxima disputa e apoiar Marcus Melo, para assumir, num possível segundo mandato, o cargo de secretário do Verde e do Meio Ambiente. Em conversa com a coluna, durante a manhã de ontem, Juliano também descartou a possibilidade de seu pai, o ex-prefeito Junji Abe (MDB) voltar a disputar algum cargo eletivo nas próximas eleições. Segundo ele, Junji decidiu não correr mais atrás de votos para si próprio. Mas não irá se afastar definitivamente da política. Pelo contrário, espera continuar atuando ativamente nos bastidores, ajudando o filho e até mesmo utilizando sua experiência, obtida em cargos legislativos, executivos e sindicais, para auxiliar o grupo político do qual faz parte. Junji, vale lembrar, teria sido consultado, recentemente, sobre os caminhos a serem trilhados por integrantes do grupo a respeito do posicionamento assumido em relação ao pedágio que a Artesp pretende implantar na altura do Km 45 da Mogi-Dutra. Junji teria aconselhado a que se jogasse duro para confrontar o plano da agência e impedir o posto de cobrança na estrada construída pela Prefeitura de Mogi. E por falar em grupo político, Juliano procura minimizar eventuais cisões e assegura que tanto Melo, como Marco Bertaiolli (PSD) estarão juntos nas próximas eleições. Por isso, ele não demonstra maiores preocupações com o fato de os opositores estarem se unindo para o enfrentamento em outubro do próximo ano. Para ele, a oposição só se preocupa com críticas pontuais ao governo, mas não tem um projeto definido em favor da cidade, o que, em sua opinião, pode ser decisivo para os situacionistas.

Made in Mogi

O estilista de Mogi, Vitor Zerbinato, continua conquistando importantes espaços no exterior. Ele está no editorial “The Wind of Change”, da nova edição da Basic Magazine, publicação trimestral americana que desfaz as fronteiras entre a moda e outros diferentes tipos de arte, como as plásticas, fotografia, cinema e entretenimento. Assinado pela stylist Oretta Corbelli, o editorial realça o uso de peças masculinas em composições femininas, onde o designer mogiano aparece em dois momentos: com um short longo e blazer pretos, e com um terno rosa em seda. Combinações inusitadas, marcas de Zerbinato.

Contratado

O jovem goleiro mogiano, Matheus Peretti, 20 anos, acaba de ser contratado pelo Athletic Club de Juiz de Fora (MG) para disputar a Segunda Divisão do Campeonato Mineiro de Futebol do próximo ano. Peretti, que já passou pela Portuguesa de Desportos, Cruzeiro, Desportivo Brasil, Cap Uberlândia e Serranense, é filho de Eduardo e neto do vereador Benedito Faustino Taubaté Guimarães (MDB).

Lançamento

O Helbor Passeo Patteo Mogilar, o novo residencial da Helbor e MPD no bairro do Mogilar, em Mogi, será apresentado hoje à imprensa, durante café da manhã, a partir das 9h30. Parte da retomada das obras da incorporadora e construtora, após um longo período de crise no mercado de imóveis, o empreendimento terá três torres, duas delas disponíveis para vendas no primeiro momento, com apartamentos de 116 m² privativos (3 suítes) e 95 m² privativos (3 dormitórios – 1 suíte).

Retiro

Termina hoje, no Seminário Santo Antonio, na cidade de São Pedro, no interior paulista, o período do Retiro Anual do clero da Diocese de Mogi das Cruzes, iniciado no último dia 4. O período de contrição e orações dos padres tem a participação do bispo diocesano, dom Pedro Luiz Stringhini, com assessoria do arcebispo emérito de Mariana (Minas Gerais), dom Geraldo Lyrio Rocha.

Frase

Censura não se debate, se combate.

Ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal, durante encontro com artistas brasileiros

Deixe seu comentário