EXPECTATIVA time mogiano

Mogi garante vantagem na Super 8

SUPERIOR Mogianos passaram pelos cariocas no São Januário Foto Dikran Machado
SUPERIOR Mogianos passaram pelos cariocas no São Januário                                    Foto Dikran Machado

A vantagem de 9 pontos no primeiro quarto sobre o Vasco deu a tranquilidade necessária para o Mogi/Helbor controlar o jogo e voltar do Rio de Janeiro com uma boa vitória e embalado para as disputas da Copa Super 8. Os mogianos passaram pelos cariocas, por 88 a 75 (41 a 32 no primeiro tempo), em duelo realizado na noite de anteontem no ginásio de São Januário. Com o resultado, o grupo do técnico Guerrinha fechou o primeiro turno do 11º Novo Basquete Brasil (NBB11) na quarta posição (G-4) e com a vantagem de decidir a nova competição do País, que vale vaga para a Liga das Américas (LDA), no Ginásio Municipal
Hugo Ramos, no Mogilar. Como as disputas do NBB só recomeçam em janeiro – o Mogi vai enfrentar o São José, no dia 7, no Mogilar – a preocupação da comissão técnica será a Copa Super 8, lançada este ano pela direção da Liga Nacional de Basquete (LNB), e que será realizada em outubro de 2019. A primeira fase da Copa Super 8 será realizada na próxima semana entre os dias 20 e 22 e as partidas serão sediadas na casa das equipes com melhor campanha no primeiro turno. Assim, com a quarta melhore campanha, o Mogi vai encarar no Municipal o time do Paulistano, quinto colocado do NBB – a tabela ainda não foi divulgada pela direção da Liga. Além de Mogi e Paulistano, se classificaram Franca, Pinheiros, Flamengo, Minass, Botafogo e São José.

A primeira etapa da Super 8 terá os seguintes  cruzamentos: Franca (1º) x São José (8º), Pinheiros ou Flamengo (2º) x Botafogo (7º), Pinheiros ou Flamengo (3º) x Minas (6º) e Mogi (4º) x Paulistano (5º). Após a realização dos confrontos, serão disputadas as semifinais e as finais da Copa Super 8, entre os dias 26 a 29 deste mês, sempre com o melhor classificado do NBB com o mando de quadra. O campeão se garante na LDA. A vantagem de decidir o primeiro duelo da Super 8 em casa foi sacramentada diante do Vasco. Com o resultado positivo, o Mogi chegou a 69,2% de aproveitamento – com 9 vitórias e quatro derrotas. Mesmo que supere hoje o Brasília, o Paulistano vai igualar a campanha do Mogi, mas fechará o turno no quinto lugar por conta da derrota no confronto direto com os mogianos, por 85 a 75, na abertura do nacional.

O técnico Guerrinha gostou do desempenho da equipe no Rio de Janeiro. “O time jogou bastante equilibrado e administrou a vantagem. Sempre jogamos com o controle do jogo e a nossa defesa melhorou”, analisou o treinador da equipe da Região do Alto Tietê. Com o resultado de ontem, o Mogi obteve a terceira vitória
consecutiva na reta final do primeiro turno do NBB. Depois do revés em casa contra o líder Franca, o Mogi passou no Municipal sobre Londrina e Corinthians e encerrou a etapa com a vitória sobre o Vasco. “Valeu pela vitória, pela classificação e pelo desenvolvimento do time”, ressaltou Guerrinha.