BASQUETE

Mogi/Helbor enfrenta o Brasília

Franca e Mogi fizeram jogo equilibrado, na noite do último sábado, pelo Paulista. (foto: Newton Nogueira, Franca Basquete)

O Mogi/Helbor enfrenta hoje mais um rival da parte de baixo da tabela para seguir no grupo dos quatro melhores colocados (G-4) da 11ª edição do Novo Basquete Brasil (NBB). O pega será contra o Brasília, último colocado do nacional, às 19 horas, no Ginásio da Asceb, no Distrito Federal. Será o segundo jogo da série de três partidas consecutivas do time mogiano fora de casa. Se passar, o elenco do técnico Guerrinha retoma a quarta colocação do campeonato.

Na sua última partida, o Mogi passou sobre o Joinville fora de casa, na última quinta-feira, e completou o quinto resultado positivo. Após o revés frente ao líder Franca, no dia 19 de novembro, o Mogi passou por Joinville (duas vezes), Corinthians, Vasco e São José.

Com a vitória sobre o Joinville, o Mogi chegou ao 15º jogo no campeonato com 11 vitórias – 73,3% de aproveitamento. O Brasília é o 14º e último colocado, com três vitórias em 14 partidas.

Se passar pelo Brasília, o Mogi vai retomar a quarta colocação no campeonato. A posição foi tomada pelo Paulistano, que na semana passada derrotou a equipe do Distrito Federal, por 97 a 71. O time da Capital passou para 12 vitórias em 16 jogos – 75% de aproveitamento.

Hoje a liderança do campeonato está com o time de Franca, com duas derrotas em 14 jogos (85,7% de aproveitamento). Dividem a segunda colocação os times do Pinheiros e do Flamengo, até ontem com três derrotas em 14 confrontos (78,6% der aproveitamento).

Além do Brasília, a equipe do técnico Guerrinha terá mais um adversário que está na parte de baixo da tabela para fechar a série de três partidas fora de casa. E mesmo longe dos torcedores, o time mogiano aparece como favorito. O Cearense está no 11º lugar na classificação, com cinco vitórias e dez derrotas (33,3% de aproveitamento).

Após mais duas partidas fora de casa (Brasília e fortaleza), o Mogi somente volta a atuar no Ginásio Municipal no próximo dia 21, diante do Minas. Que hoje ocupa o oitavo posto, com seis vitórias em 15 partidas – 40% de aproveitamento.