AVANÇO

Mogi investe R$ 6 milhões em turismo

ATRATIVOS A estação de Sabaúna é uma das obras realizadas com recursos estaduais e federais. (Foto: arquivo)
ATRATIVOS A estação de Sabaúna é uma das obras realizadas com recursos estaduais e federais. (Foto: arquivo)

Mogi das Cruzes sediará, amanhã, o 1º Seminário de Turismo, numa iniciativa da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, em parceria com o Sebrae Alto Tietê. O evento será realizado no Centro Cultural de Mogi das Cruzes.

O secretário municipal de Cultura e Turismo, Mateus Sartori, lembra que estarão presentes também no seminário representantes do Governo do Estado de São Paulo, do Serviço Social do Comércio (Sesc) e da Associação das Prefeituras de Municípios de Interesse Turístico (Amitesp). A Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) também deve estar representada pelo deputado Marcos Damásio.

Sartori destaca ainda que o turismo da cidade teve grandes avanços ao longo dos últimos anos, com a captação de quase R$ 6 milhões de recursos estaduais e federais, para obras como a implantação de infraestrutura no Pico do Urubu, a reforma da estação de Sabaúna, as obras nos cinco museus municipais, a reforma do Centro de Informações Turísticas, o projeto de cicloturismo e as reformas do Parque Leon Feffer e também do Centro de Cidadania e Arte (Ciarte).

“Precisamos lembrar que o turismo gera renda e desenvolve economicamente a cidade. É um setor estratégico, que pode ajudar muito Mogi das Cruzes nessa meta de um crescimento contínuo, com a garantia de mais qualidade de vida aos cidadãos”, pontua.

A programação do seminário vai se estender por todo o dia. A primeira palestrante do dia será a escritora e consultora de turismo digital, Marta Poggi, que trará a temática “Turismo Inteligente: Como embarcar nesta nova era?”.

Ainda no período da manhã, falará o empresário José Fernandes, que é proprietário de uma rede de hotéis na cidade de Socorro, no interior do Estado de São Paulo, conhecida pelo seu potencial turístico, em especial o turismo de aventura.

“Como se tornar Município de Interesse Turístico?” será a palestra conduzida por Waldirene Ricanelo, que é diretora técnica da Associação de Municípios de Interesse Turístico do Estado de São Paulo (Amitesp). Depois, será a vez de Roberta Oliveira e Carolina Paes de Andrade, ambas representantes do Sesc.

A partir das 15h30, começará o painel “Ecoturismo e Preservação Ambiental: Turismo Consciente”, que contará com a participação da analista de sustentabilidade do Instituto Ecofuturo, Cleia Araújo e da gestora da Estação Ecológica da Serra do Itapety, Lucila Manzatti. A mediação ficará sob a responsabilidade do secretário municipal do Verde e Meio Ambiente Daniel Teixeira de Lima.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4798-5196.


Deixe seu comentário