CASO

Motorista é deixado em Mogi das Cruzes, após roubo

A Polícia seguia ontem sem informação para tentar localizar o paradeiro de dois dos membros de uma quadrilha autora de roubos de cargas e caminhões. A dupla armada roubou diversos produtos de frango congelado, no valor de R$ 11 mil. O motorista Lauro Roberto Gobatto, de 41 anos, foi dominado na avenida dos Igarapés, na Vila Curuça, na zona leste de São Paulo, colocado num veículo da marca Punto.

Segundo Lauro relatou no 3º Distrito Policial, em César de Souza, depois de duas horas foi abandonado em Mogi. “Os assaltantes indicaram o local onde haviam abandonado o caminhão, mas sem a carga”, disse.

Baleado

Ao tentar escapar de dois policiais militares, do 35º BPM/M, no Jardim Odete, em Itaquaquecetuba, Eliseu Marcelino da Cunha, de 27 anos, teria empunhado uma arma contra eles. Diante disso, a equipe atirou e o atingiu nas nádegas. Assim mesmo, Eliseu fugiu, pulando o muro e entrando no seu apartamento no local. A Polícia Militar descobriu que ele havia sido internado, no Hospital Santa Marcelina. Ontem, ele se encontrava ainda em fase de recuperação

O fato foi registrado na sede do 35º BPM/M, onde foi aberto inquérito policial militar, e só à noite foi comunicado ao delegado Humberto Pinheiro Júnior, de plantão da Delegacia Central, por força de um acordo entre o coronel José Raposo de Faria Neto, comandante do CPAM-12, e o seccional Jair Barbosa Ortiz, conforme a autoridade fez constar no histórico do boletim de ocorrência.

O oficial superior Raposo, no entanto, foi procurado pelo O Diário e afirmou que a medida foi adotada pela Polícia Militar em razão da legislação existente.


Deixe seu comentário