Museus abrem exposições nesta sexta-feira

Roberto Lemes Cardoso diz que projeto disponibilizará informações sobre os museus de forma rápida e fácil e quer ao mesmo tempo estimular a população a conhecer o acervo ‘in loco’ / Foto: Divulgação
Roberto Lemes Cardoso diz que projeto disponibilizará informações sobre os museus de forma rápida e fácil e quer ao mesmo tempo estimular a população a conhecer o acervo ‘in loco’ / Foto: Divulgação

Na Semana Nacional de Museus, promovida em comemoração ao Dia Internacional de Museus, os quatro endereços da Cidade estreiam exposições especiais nesta sexta-feira (20). A Secretaria Municipal de Cultura dá início, também, ao projeto Museu Virtual, que consiste na disponibilização de informações sobre as peças que compõem o acervo dos museus da Cidade pela Internet, por meio do site da Cultura. Desta forma, as pessoas poderão saber, a partir de um clique, um pouco mais sobre o que guarda cada museu do município.

O site começa a ser abastecido nesta semana e gradualmente receberá mais informações. “Este é um projeto que se inicia agora e ficará em caráter permanente. A ideia é disponibilizar informações sobre os museus da Cidade de forma mais rápida e fácil para as pessoas e também instigá-las a conhecer esses espaços”, destaca o responsável pela Divisão de Museus da Secretaria de Cultura, Roberto Lemes Cardoso.

As exposições comemorativas seguem o tema proposto para este ano pelo Conselho Internacional de Museus – ICOM, que é “Museus e Paisagens Culturais”. Em Mogi, como explica Cardoso, isto pode ser visto em prédios históricos, na culinária, artesanato, música e dança, além das diversas festas populares, que permeiam o calendário cultural, religioso e folclórico do Município ao longo de todo o ano. Por isso, os museus locais terão uma programação especial, em reverência e alusão a estes elementos.

O Museu Visconde de Mauá, por exemplo, que fica dentro do Casarão do Carmo, vai expor algumas das festas populares de Mogi das Cruzes, como a Festa do Divino Espírito Santo, a dança de São Gonçalo, além das congadas, que sempre fazem parte das festividades. Já no Centro de Cultura e Memória Expedicionários Mogianos, o público poderá conhecer alguns dos edifícios históricos que representam e remontam à história da Cidade, seja pela arquitetura em si ou pelos episódios e equipamentos importantes que abrigaram ao longo das décadas.

O Museu Guiomar Pinheiro Franco, por sua vez, vai ter como foco a mostra de alguns itens da culinária tradicional mogiana, bem como o artesanato produzido na Cidade. No Parque Centenário, por fim, os visitantes poderão conhecer um pouco da história de duas fortes manifestações da cultura japonesa, celebradas por meio de festas anuais: o Akimatsuri e o Furusato Matsuri. O espaço destinado a essas exposições é o Centro de Exposições Cidades Irmãs.

Todas as exposições poderão ser visitadas conforme os horários de funcionamento dos museus do Centro Histórico. Isto é, de terça a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h. Já o Centro de Exposições Cidades Irmãs obedecerá ao expediente do Parque Centenário, que vai de domingo a domingo, das 7h às 18h. As exposições ficam abertas a visitação até o final do mês de junho.

Promoção de museus

A Semana Nacional de Museus é uma ação de promoção e divulgação dos museus brasileiros, coordenada pelo Instituto Brasileiro de Museus – Ibram, como instrumento de execução das políticas públicas culturais do Governo Federal, que acontece anualmente em todo o território nacional, em comemoração ao Dia Internacional de Museus (18 de maio). Para tanto, o Ibram empreende um conjunto de ações que visa à mobilização dessas instituições a partir de uma programação especial, em torno do tema sugerido pelo ICOM – Conselho Internacional de Museus.
Mais informações pelo telefone 4798-6912.