INFORMAÇÃO

O deputado eleito e a nova Secretaria de João Doria

Rumores sinalizam indicação de Marco Bertaiolli para a futura pasta do Interior

Nos meios políticos locais, fala-se muito sobre a criação da Secretaria do Interior, artifício a ser usado pelo governador eleito, João Doria Júnior (PSDB) para se aproximar das bases interioranas e tentar reduzir o poder de fogo que o antigo aliado e atual desafeto, Geraldo Alckmin (PSDB), ainda detém nesta região do Estado de São Paulo. Os comentários acerca da nova pasta na Cidade, entretanto, têm um motivo muito especial: a possibilidade de a vaga ser ocupada pelo recém-eleito deputado federal e ex-prefeito de Mogi das Cruzes, Marco Bertaiolli (PSD). Doria ainda não deu qualquer pista nesse sentido, nem Bertaiolli tem deixado escapar possível sinalização sobre o assunto. Mas é certo que os comentários surgiram e continuam ganhando corpo na Cidade em razão de alguns componentes do futuro governo tucano. Senão vejamos: Doria já chamou para integrar seu governo dois aliados de primeira hora do mogiano Bertaiolli: o presidente do PSD, Gilberto Kassab, que deverá ocupar o cargo de secretário chefe da Casa Civil, e o atual vice-governador, Rodrigo Garcia, anunciado oficialmente, na manhã de ontem, para acumular suas funções com as de secretário de Governo, cuja pasta será extinta. Não bastasse a presença dos dois amigos de Bertaiolli na administração, vale lembrar ainda que durante a campanha eleitoral passada, ocorreu uma forte aproximação entre o próprio Doria e o mogiano. O então candidato a governador veio a Mogi pelo menos quatro vezes durante a campanha, tendo sido muito bem recebido em todas elas, com esquemas de recepção, na maioria das vezes, coordenado pelo próprio Bertaiolli. À época, já se dizia que Doria estaria bastante impressionado com a desenvoltura do ex-prefeito de Mogi, tanto nos palanques quanto fora deles. Assim, não seria surpresa se o convite viesse a ser feito. O que, então, colocaria o deputado federal eleito numa verdadeira sinuca de bico. Como rejeitar a possibilidade de comandar uma Secretaria de Estado com orçamento próprio e fortíssimo poder político junto a prefeitos e deputados de todo o Estado de São Paulo, o mais importante do País? Entre começar uma carreira pelo inevitável baixo clero de Brasília e assumir um cargo dessa envergadura, qual seria a opção de Bertaiolli? Sem dúvida, uma situação delicada, mas que, pelo visto, ainda não se configurou, embora os rumores entre os políticos sejam importantes sinais de fumaça. E se onde há fumaça também pode haver fogo, vale esperar mais um pouco para conferir o que poderá – ou não – ainda vir por aí. E, se realmente vier, qual será a opção a ser feita pelo mogiano.

Aeronáutica
O comandante da Aeronáutica, tenente-brigadeiro, Nivaldo Luiz Rossato, autorizou a doação para Prefeitura de Mogi de imóvel sob a responsabilidade patrimonial do Destacamento de Infraestrutura da Aeronáutica de São Paulo (Deinfra-SP), medindo 1 mil m², para instalação do Departamento de Orientação e Promoção pela Secretaria Municipal de Governo, em Braz Cubas. O futuro setor será destinado a atendimentos clínicos nas áreas de psicologia, psicopedagogia, fonaudiologia, pediatria e odontologia, além de serviços sociais.

Antes só…
O médico, vereador e corredor de kart, Otto Flores de Rezende, decidiu abandonar sua antiga equipe, Car Racing, e vai enfrentar sozinho as competições da Copa São Paulo de Kart, na Granja Viana, em São Paulo. A novidade parece estar dando resultado: o mogiano é o quinto colocado entre as 22 equipes que participam da disputa na categoria Pro 500. Otto já está se preparando para o grande desafio do dia 2 de dezembro próximo, quando ele irá participar das 500 Milhas da Granja Viana, competindo, entre outros, com Rubens Barrichello e Felipe Massa, campeões também da lendária Fórmula 1.

Mudança
Em razão dos problemas de recuperação judicial da Livraria Cultura, foi alterado o local de lançamento do livro “Desafios e Escolhas de Uma Liderança”, de autoria do casal Roberto e Maria Beatriz Lobo. A noite de autógrafos acontecerá no próximo dia 18, a partir das 18h30, na Livraria da Vila, na Rua Fradique Coutinho, 915, na Capital. Até agora, a Editora Labrador ainda não planos para o lançamento em Mogi da obra que conta a vida profissional do ex-reitor da USP e UMC, Roberto Leal Lobo.

Roncos e estalidos
O casal mogiano Dori e Ieda Boucault foi entrevistado do programa “Mais Você”, de Ana Maria Braga, na TV Diário, por um hábito que começa a se tornar comum em todo mundo, segundo pesquisa realizada na Inglaterra. Casados há 33 anos, os dois dormem em quartos separados, com camas e banheiros individuais. Motivo: os ensurdecedores roncos do marido e os estalidos de boca, tipo “peixinho”, da mulher. Consulta feita entre ingleses mostrou que 60% preferem dormir sozinhos e que 25% já dormem em camas separadas. Motivos: ronco (25%), televisão (19%), horários incompatíveis (14%). Do total, 31% mentem para amigos e familiares por vergonha de confessar que não dormem juntos.

Frase
Tudo pode acontecer. Inclusive nada.
Eduardo Zugaib, escritor mogiano, em seu mais recente livro, “Humor de Segunda a Sexta”