Palmeiras joga pelo prêmio de vice

As quatro partidas finais do Campeonato Brasileiro representam ao Palmeiras uma corrida pelo prêmio de R$ 11,3 milhões. A equipe recebe hoje o Sport, às 20 horas, no estádio Allianz Parque, em São Paulo, pela 35.ª rodada, focado em buscar a cifra, que é entregue pela CBF ao clube vice-campeão do torneio.

O técnico interino Alberto Valentim tem cobrado dos atletas o esforço no objetivo de terminar a competição na melhor posição possível. Como a vaga na Copa Libertadores está perto de ser assegurada, o esforço será em encerrar o ano em uma condição mais favorável e, assim, amenizar a frustração.

“A nossa meta é ser pelo menos segundo lugar para estarmos bem classificados porque o clube tem uma receita maior”, disse o treinador. Caso não melhore a posição atual e termine em terceiro, o Palmeiras teria direito a uma premiação menor, de R$ 7,7 milhões. Se piorar e for o quarto colocado, terá direito a ainda menos na conta: R$ 5,6 milhões. O prêmio entregue ao campeão é de R$ 18 milhões.

O trunfo do Palmeiras na disputa pelo vice-campeonato é ter como concorrente direto o Grêmio. A equipe gaúcha vai disputar nas duas próximas quartas-feiras a final da Copa Libertadores contra o Lanús. O outro concorrente mais próximo na tabela de classificação é o Santos, que tem um ponto a menos.