NO SESI

Personagens circenses inspiram espetáculo em Mogi das Cruzes

NO PALCO Protagonizada pelos atores Romina Sanchez e Felipe Abreu, a peça é apresentada essencialmente por meio da linguagem corporal, gestos e expressões, além da trilha sonora instrumental feita para o espetáculo. (Foto: divulgação)
NO PALCO Protagonizada pelos atores Romina Sanchez e Felipe Abreu, a peça é apresentada essencialmente por meio da linguagem corporal, gestos e expressões, além da trilha sonora instrumental feita para o espetáculo. (Foto: divulgação)

O espetáculo circense ‘Pedra no Sapato’, traz os clássicos palhaços de picadeiro para os palcos modernos, nesta sexta-feira e sábado, no palco da unidade mogiana do Sesi. A entrada é gratuita.

A peça discute a importância do respeito e da convivência com o outro. A montagem conta a história de dois palhaços e da relação que se desenvolve entre eles. Suspiro é o artista e Burbuja a faxineira do teatro. Entre uma brincadeira e outra, com uma sequência de truques clássicos de palhaços, o espetáculo narra o conflito que começa quando Suspiro entra em cena para apresentar o show e é interrompido pela palhaça que se preocupa em fazer o seu trabalho no teatro. Conduzindo esse enredo divertido e poético, eles levam o público a mergulhar na arte dessa figura circense.

Ao brincar também com a ideia de pessoas que as pedras no sapato, a peça discute as dificuldades das relações humanas e sobre a importância de se aprender a respeitar e conviver com o outro.

Sem muitos diálogos, a peça se entende essencialmente por meio da linguagem corporal, gestos e expressões, além da trilha sonora instrumental feita para o espetáculo. Desde 2013 juntos, o ator Felipe Abreu e a argentina Romina Sanchez, do grupo Laguz Circo, revivem a arte clown, em um mergulho na arte simples, ainda assim engraçada e encantadora.

Viagem Teatral

O espetáculo faz parte do programa ‘Viagem Teatral’ realizado pelo setor de Artes Cênicas do Sesi-SP e apresenta um panorama da produção cênica brasileira contemporânea, proporcionando variadas experiências estéticas, para o fomento da diversidade cultural e o estímulo à formação de novas plateias. A cada ano cerca de 35 espetáculos são selecionados via edital para compor o projeto.

As peças circulam por 17 teatros em todo o Estado de São Paulo. O Viagem Teatral movimenta mais de 460 artistas, técnicos, produtores e profissionais que vivem em função da arte no País. Em 2018, por exemplo, mais de 62 mil pessoas tiveram a oportunidade, gratuitamente, de assistirem os espetáculos apresentados.

O Sesi está localizado na rua Valmet, 171, no distrito de Braz Cubas, e atende pelo telefone 4723-6900.