SUZANO

Polícia busca assaltante de posto de combustível

DIÁRIO

Reconhecido como um dos dois autores do assalto praticado no autoposto Lezzo, na rodovia Índio Tibiriçá, no bairro do Raffo, em Suzano, Marcelo Riatto, de 34 anos, teve a prisão temporária decretada pelo juiz Fernando Augusto Andrade Conceição, da 2ª Vara Criminal do Fórum local a pedido do delegado Rubens José Angelo, titular do Setor de Homicídios de Mogi das Cruzes.

Apesar das buscas, a autoridade contou nesta quinta-feira a O Diário que “o autor do crime está foragido e é considerado perigoso”. O delegado e equipe identificaram o criminoso após intensificar investigações com a finalidade de esclarecer o roubo cometido no posto de gasolina na madrugada de 6 de junho de 2019.

Nas buscas, ficou apurado que Marcelo Riatto chegou ao autoposto conduzindo uma motocicleta na companhia do comparsa, Matheus William Godoy Martins, de 26 anos, o qual desceu da garupa e armado anunciou o assalto.

No local, um frentista conversava com um policial militar, que estava verificando barulho no protetor do cárter do seu carro. Logo o soldado se identificou e o bandido (Matheus) disparou o revólver 38, mas diante da reação ao roubo, ele foi baleado, saiu correndo, sendo perseguido e morto.

O bandido Marcelo Riatto fugiu na ocasião e só foi identificado após investigações do SHPP. A equipe realizou busca e apreensão na casa dele, no Jardim Nova América, em Suzano, e tentou localizá-lo, porém ele está em lugar incerto. Na ação policial, o delegado Rubens disse que mobilizou os policiais operacionais e, no inquérito, a escrivã Iris. Informações sobre Marcelo podem ser fornecidas ao telefone 4721-1221, do Setor de Homicídios, ou no Disque-Denúncia (181).


Deixe seu comentário