POLÍCIA

Presos em Mogi dois ladrões de carros

Uma ação rápida da Polícia Militar através dos cabos Adalberto e Washington levou para a Cadeia, ontem de madrugada, os dois ladrões de Itaquaquecetuba que vinham para Mogi das Cruzes praticar furtos de veículos. O delegado Paulo Henrique Sinatura, os escrivães Milene Anjos e Mauro Kato, além do investigador Evandro, da Central de Flagrantes, do Distrito Central, autuaram por tentativa de furto João Victor Alves dos Santos, de 24 anos, e Roberto Carneiro de Santana, de 38 anos, ex-presidiário. Eles foram surpreendidos no Bairro do Mogilar depois de tentarem furtar o Uno Vivace, de Marina Ramos da Silva, na Rua José Meloni.

O delegado titular Argentino da silva Coqueiro e os seus investigadores Luis Bourg (chefe) e Edney Barroso descobriram outros dois furtos de automóveis praticados na cidade. “Sabemos que a dupla cometeu outros furtos de carros em Mogi e estamos investigando. Por isso, peço que quem reconhecer os marginais pelas fotos deles publicadas no jornal deve nos procurar aqui na delegacia. Isso é necessário para abrir outros procedimentos contra eles. Hoje (ontem) indiciei João Victor e Roberto por furtos de carros”.

Ainda segundo o titular Argentino, “o delegado Paulo Sinatura no auto de prisão em flagrante vai pedir à Justiça que seja decretada a prisão preventiva dos acusados”.

João Victor diz que não tinha antecedentes criminais e é o dono do Ford Ka, o qual segundo ele, passou no radar detecta em Mogi e alertou a Polícia Militar. Já o comparsa Roberto afirmou que “sou ex-presidiário, já fui preso em Mogi por furto e fiquei preso um ano e seis e seis meses. Não sei porque estamos sendo presos e também desconheço como dois módulos eletrônicos apareceram no Ford Ka”.

Na delegacia foram apreendidos além de módulos, chaves de fenda, alicate e outros apetrechos. O Ford Ka, ocupado pelos bandidos, estava ao lado do Uno que pretendiam furtar, cujas protas já haviam arrombado.


Deixe seu comentário