Programa divulga museus de Mogi

Roberto Lemes Cardoso é responsável pelos museus da Cidade, como o Visconde de Mauá / Foto: Eisner Soares
Roberto Lemes Cardoso é responsável pelos museus da Cidade, como o Visconde de Mauá / Foto: Eisner Soares

A Secretaria Municipal de Cultura, por meio do Departamento de Museus, promove neste mês mais uma edição do Programa de Educação Patrimonial, desta vez voltado à formação de professores da rede municipal. A atividade é composta de duas partes: a primeira consiste em visitas monitoradas aos museus municipais localizados no Centro Histórico (Centro de Cultura e Memória dos Expedicionários Mogianos, Museu Histórico Professora Guiomar Pinheiro Franco e Museu Histórico e Pedagógico Visconde de Mauá). A outra etapa inclui a palestra “Cultura e Patrimônio”, que aborda temas como o conceito antropológico de cultura e serve como introdução à oficina “Minha Casa é um Museu”, desenvolvida em dois encontros.

O secretário municipal de Cultura, Mateus Sartori, explica que Mogi é uma das cidades mais antigas do Brasil e, por isso, possui um vasto patrimônio histórico e cultural que deve ser conhecido e explorado pelos estudantes: “Este trabalho é muito bem realizado pelo nosso Departamento de Museus e os visitantes costumam ficar impressionados com a riqueza de informações que os nossos museus possuem”, explica.

O objetivo da oficina é abordar a história do surgimento dos museus, a partir de coleções particulares, no século XV; conscientizar sobre a importância dos museus na preservação da memória cultural das comunidades onde estão inseridos; despertar o interesse por coleções e museus a partir das coleções de pessoas comuns. Tudo isso culminará na conscientização dos participantes sobre cidadania e inserção na história da comunidade, a partir do sentimento de pertença. No final do curso, eles montam uma exposição, a partir de objetos pessoais, com vistas a reforçar os conceitos colocados no objetivo da oficina.

As atividades acontecem aos sábados, das 9 às 12 horas, e às segundas-feiras, das 19 às 22 horas. Cada turma deve ter entre 20 e 25 pessoas e os interessados podem se inscrever na Divisão de Museus da Prefeitura, sob responsabilidade de Roberto Lemes Cardoso, pelo telefone 4798-6912.


Deixe seu comentário