CARTAS

Roda Viva

Assistir a entrevista do ministro Gilmar Mendes no programa Roda Viva, da TV Cultura, não foi para fracos. Se existe uma definição para cara de pau, ele é o exemplo, porque mesmo confrontado pelos entrevistadores com relação aos seus julgamentos feitos na Corte no passado e seu pensamento hoje, escorregou, escorregou e não se explicou. Agora entendemos porque Lulla se recusa a sair para o semiaberto a que tem direito. Pautando julgamento de prisão em 2ª Instância no STF dia 23/10 e pelas respostas do ministro tudo será anulado e todos os bandidos já presos ficarão livres.

Como a nossa Justiça é lenta, ninguém irá para a cadeia, principalmente os corruptos que voltarão com tudo a assaltar os cofres públicos.

Gilmar, ao menosprezar a Lava Jato e enaltecer o site Intercept, as gravações sem autorização judicial serão usadas contra a força tarefa, inclusive anulando os julgamentos de Lulla.

Sérgio Moro e os procuradores serão os bandidos e os bandidos serão os mocinhos.

Voltaremos às ruas.

Beatriz Campos

beatriz.campos@uol.com.br

Deixe seu comentário