TRÂNSITO

Rua Cabo Diogo Oliver terá interdição a partir desta sexta-feira para obras de praça

DESVIO Trecho da Cabo Diogo, entre a Engenheiro Gualberto e a linha de trem será fechado a partir desta sexta-feira. (Foto: divulgação – PMMC)

A Prefeitura interdita a rua Cabo Diogo Oliver para o tráfego de veículos de hoje até domingo, entre a rua Engenheiro Gualberto e a linha férrea, no Mogilar, para dar continuidade às obras que fazem parte da construção da praça Diego Leme Chavedar. O acesso ao túnel do Complexo Viário Jornalista Tirreno Da San Biagio permanecerá aberto.

As intervenções que serão executadas durante os dias em que a via será interditada tem como objetivo melhorar a segurança dos pedestres que circularão entre a futura praça e a travessia da linha férrea e a rua Américo Rodrigues Da San Biagio.

A alternativa para os motoristas que estão na rua Cabo Diogo Oliver e desejam acessar a região da rua Américo Rodrigues Da San Biagio ou a avenida Francisco Rodrigues Filho é a utilização das ruas Casarejos e José Alves dos Anjos. Já quem estiver circulando pela rua Engenheiro Gualberto poderá utilizar a rua Afonso Pena para chegar à rua Casarejos. Agentes municipais de trânsito farão a orientação dos motoristas.

Os ônibus do transporte coletivo que circulam pela região também utilizarão, durante o período de interdições, as ruas Casarejos e José Alves dos Anjos. A medida valerá para as linhas municipais e intermunicipais, em um total de 360 passagens por dia. A Secretaria Municipal de Transportes também remanejou provisoriamente os pontos de ônibus localizados nos trechos que serão afetados pela interdição.

A construção da praça Diego Leme Chavedar faz parte do projeto de renovação urbanística da região central de Mogi das Cruzes, que teve início com a eliminação das passagens de nível da Cabo Diogo e da rua Dr. Deodato Wertheimer. O espçao está sendo construído entre as ruas Cabo Diogo Oliver, Hamilton da Silva e Costa e Engenheiro Gualberto, no Mogilar. O projeto completo de requalificação da região tem investimento de R$ 3.930.632,99 e também inclui a reforma das praças Sacadura Cabral e Oswaldo Cruz.

As obras atendem ao aspecto urbanístico e prevê a priorização de pedestres, novos mobiliários, arborização e pisos drenantes. O segundo é o social e incluirá a nova base de monitoramento da Guarda Municipal, a iluminação pública com luminárias LED, o monitoramento com câmeras e a instalação de rede wi-fi. Por fim, a intervenção melhora a mobilidade urbana, que contemplará toda a reorganização do sistema viário


Deixe seu comentário