Rumores indicam prováveis mudanças de partidos

À medida que se aproxima o prazo definitivo para as definições de candidatos às próximas eleições municipais, aumentam os rumores sobre prováveis trocas de partidos envolvendo políticos atualmente com mandato na Cidade. As especulações se concentram, principalmente, na área da Câmara Municipal, onde há vereadores claramente insatisfeitos com suas legendas e outros que buscam se ajustar em partidos que facilitem sua reeleição. A essa altura do jogo político, no entanto, ninguém confirma as mudanças, temendo algum tipo de retaliação de parte das atuais agremiações já que, ao contrário do Executivo, os mandatos de candidatos proporcionais pertencem aos partidos pelos quais foram eleitos. Mesmo sem a confirmação – que, se vier, será em momento oportuno –, os rumores sobre mudanças se concentram especialmente em três vereadores. Fala-se muito na possível transferência do petista Clodoaldo Aparecido de Moraes para o PC do B, principalmente depois que ele retirou de seu site o apelido “Clodoaldo do PT”, usado para se eleger no pleito passado. Clodoaldo estaria, segundo a boataria, sentindo entre seu eleitorado os efeitos da crise petista em nível nacional. Seus companheiros de partido, no entanto, garantem que, recentemente, em uma reunião do Diretório Municipal, ele se pronunciou publicamente perante os presentes, prometendo fidelidade à legenda e afastando os rumores sobre sua comentada saída do PT. Outro vereador cotado para mudar de legenda é Rubens Benedito Fernandes, o Bibo, do PROS, que estaria procurando outro partido, já que a falta de estrutura de sua atual agremiação exigiria que ele acabasse tendo de bancar os demais candidatos para ajudá-lo a se reeleger. Quem também é alvo dos rumores é a vereadora Karina Pirillo, que estaria pensando em trocar o PC do B por alguma outra legenda. Fala-se no PTB, mas ainda não há confirmação oficial sobre as suas eventuais pretensões. Enfim, em meio à boataria, resta esperar para se conferir quais as mudanças realmente irão acontecer e seus virtuais efeitos sobre o panorama eleitoral local para o próximo pleito.

A imagem mostra um vendedor de bolas de plástico, com todo o seu estoque às costas, perambulando pela Avenida Lothar Hoehne, no Rodeio / Foto: Jonny Ueda
A imagem mostra um vendedor de bolas de plástico, com todo o seu estoque às costas, perambulando pela Avenida Lothar Hoehne, no Rodeio / Foto: Jonny Ueda

FRASE

Mogi teve dois períodos em sua história: a era pré e a pós Padre Melo.

José Eduardo Cavalcanti Teixeira, o Ado, ex-vereador mogiano, entrevistado na edição de domingo deste jornal