Sangue novo na Secretaria de Desenvolvimento Econômico

Aos 44 anos, o integrante do Conselho Superior de Comércio Exterior (Conscex) da Fiesp, o publicitário mogiano Márcio Júnior tem mais um desafio em sua carreira: a convite do deputado estadual Marcos Damásio (PR), ele assumiu, nesta semana, o cargo de diretor da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Social da Prefeitura de Mogi das Cruzes para dividir com o vereador licenciado e secretário Sadao Sakai (PR) a responsabilidade de trazer novas empresas e dar mais alento ao setor comercial da Cidade. Enquanto Sakai deverá concentrar suas ações na área política da pasta, Márcio deverá aproveitar sua ligação com a Fiesp/Ciesp para tentar atrair indústrias de peso para Mogi, uma aspiração antiga do Município, ultimamente limitada a empresas de telemarketing. O diretor garante que já tem pronto um projeto para implantar na Cidade um centro tecnológico voltado ao desenvolvimento de startups e outras empresas ligadas ao setor. O CEO da Câmara de Comércio Exterior do Alto Tietê também tem planos para ampliar as exportações da Cidade e atuar junto a grandes multinacionais para que passem a observar o potencial de Mogi das Cruzes e colocar a Cidade em seus planos de expansão, logo que a crise der uma trégua e a retomada do crescimento industrial voltar à pauta do empresariado em geral. Márcio, namorado da reitora da UMC, Regina Coeli Bezerra de Melo, está otimista com os resultados que espera obter em seu novo trabalho. “Espero transformar os contatos que fiz durante minhas atividades de conselheiro do Conscex em empreendimentos para Mogi das Cruzes”, disse ele, ontem, à coluna.

Candidato
O vendedor autônomo Salvador Azambuja, 64 anos, disse ontem à coluna que pretende lançar sua candidatura a presidente do Diretório Municipal do PT de Mogi, com apoio de petistas tradicionais da Cidade, como João Adolfo do Carmo, Everaldo Martinez e outros. O coordenador das caravanas “PT vai aos bairros” promete “entrar para ganhar”. Deve disputar o cargo com outros dois virtuais concorrentes, o sindicalista Alexandre Almeida e o professor Cláudio Betzler.

Japoneses
Peritos da Agência de Cooperação Internacional do Japão e representantes da Secretaria Nacional de Segurança Pública estarão em Mogi amanhã, às 9 horas, para uma visita à Base Comunitária de Segurança Distrital de Pindorama, onde foi implantado o “chuzaishô”, modelo japonês de policiamento comunitário. A experiência de Mogi serve como referência para outras localidades do Estado de São Paulo.

Homofóbico
Sempre presente em casos policialescos de grande repercussão na Imprensa, o advogado mogiano José Beraldo assumiu a defesa do gerente de uma boate LGBT da Rua Peixoto Gomide, na Capital que, após um assalto, conseguiu imobilizar um dos bandidos e, ao pedir ajuda a um motorista que saía de uma garagem, foi por ele espancado até desmaiar. Beraldo vai tentar condenar o agressor, dentre outros agravantes, pelo crime de homofobia.

Demora
Depois de conquistar a TV Câmara, o Legislativo mogiano corre o risco de perder, por decurso de prazo, a concessão a que tem direito para a instalação de uma emissora de rádio FM, voltada para a prestação de serviços à comunidade e divulgação dos trabalhos dos vereadores. Apesar de exigir investimentos relativamente baixos, a Câmara ainda não deu qualquer sinal de que pretende usar o benefício a seu favor. Se nada for feito, a autorização pode se expirar e deixar a todos vendo navios.

Cotidiano

PERIGO Beiral do antigo casario na esquina das ruas Coronel Souza Franco e Manoel Caetano corre sério risco de desabamento neste período de chuvas. (foto: Eisner Soares)
PERIGO Beiral do antigo casario na esquina das ruas Coronel Souza Franco e Manoel Caetano corre sério risco de desabamento neste período de chuvas. (foto: Eisner Soares)

Frase
“O passado não tem remédio, e só pode servir de espelho para o futuro.”
Padre Antônio Vieira (1608-1697) religioso, filósofo, escritor e orador português da Companhia de Jesus, famoso pelos seus “Sermões”


Deixe seu comentário