Santos faz 1º teste sem as estrelas

ef040125 - Ivan Storti - Santos FC
Em Florianópolis, o meia Rafael Longuine será o substituto de Lucas Lima, que está na Seleção / Foto: Ivan Storti – Santos FC

As próximas semanas não serão fáceis para o Santos. Hoje (25), às 19h30, a equipe comandada pelo técnico Dorival Júnior começará a ter noção do que poderá fazer sem os craques Lucas Lima e Gabriel, que se apresentaram à Seleção Brasileira para a disputa da Copa América, ausências que serão sentidas por até nove rodadas. Além deles, o artilheiro Ricardo Oliveira, outro selecionável, acabou cortado do time nacional, mas porque está lesionado – e sua situação preocupa. Assim, diante do Figueirense, o campeão paulista terá de mostrar força também com os suplentes se quiser levantar o caneco do Brasileirão no final do ano.

Em Florianópolis, o meia Rafael Longuine será o substituto de Lucas Lima. Na frente, Paulinho jogará no lugar de Gabriel, e o camaronês Joel desempenhará a função de Oliveira. “Nossa equipe é muito forte em termos táticos. Sai uma peça, entra outra, e se mantém o estilo de jogo. Independentemente de quem entre, todos estão preparados”, comentou o atacante Joel, que ganha nova chance no time titular.

Além da ausência de seus principais jogadores, o Santos se preocupa com o fraco desempenho fora de casa. Em 2015, a única vitória no Brasileiro longe de seus domínios foi contra o Cruzeiro, desempenho que praticamente tirou o time da briga por vaga na Libertadores.

Neste ano, a estreia fora da Vila, contra os reservas do Atlético-MG, não deixou os torcedores animados: derrota por 1 a 0. “Temos de considerar que estamos em casa. Sair pressionando, fazer de conta que estamos na Vila. É fundamental para chegarmos nos resultados positivos. Se quisermos ser campeões ou nos classificarmos para a Taça Libertadores, temos de vencer também fora de casa”, comentou Joel.

Ciente de consultas realizadas pelo Corinthians em relação a Leandro Damião, o Santos tenta viabilizar uma troca. A oferta foi apresentada à direção corintiana, que não se interessou pela negociação, anteontem.

Dirigentes santistas, conforme apuração da reportagem, entraram em contato com representantes de Marlone e Luciano para sondar sobre o interesse de ambos jogarem na Vila Belmiro. Foram sondados, inclusive, sobre a chance de solicitar uma transferência à direção corintiana. Nos dois casos a sinalização foi negativa.


Deixe seu comentário