MOVIMENTO

Secretaria de Cultura de Mogi recebe mais de 300 inscritos em editais

COMPANHIAS OFICIAIS O processo de seleção de bailarinos para os dois grupos de dança da cidade será realizado em três etapas por comissões formadas por profissionais com reconhecida experiência. (Fotos: divulgação)

A Secretaria Municipal de Cultura e Turismo prepara agora o processo seletivo para a formação das companhias de teatro e de danças, cujos editais receberam 136 inscrições. Já o 9º Prêmio de Fotografia de Mogi das Cruzes teve 187 inscritos em diversas categorias. Os quatro editais totalizam 323 cadastros e tiveram o prazo encerrado na última sexta-feira.

Para o edital que visa a formação da companhia oficial de teatro da cidade foram 93 inscrições, de oito diferentes cidades. De Mogi das Cruzes, foram 76 pessoas inscritas, mais 11 do Alto Tietê e seis de outras regiões. Já para o edital que visa a formação da companhia de dança contemporânea, foram 21 inscrições, de seis cidades. Do total de inscritos, 12 são de Mogi das Cruzes, cinco são do Alto Tietê e quatro de outras localidades.

No edital para a formação da companhia oficial de danças urbanas de Mogi das Cruzes, 22 se inscreveram, sendo 16 de Mogi das Cruzes, quatro da região e duas pessoas que residem em outras regiões.

Para o edital do 9º Prêmio de Fotografia de Mogi das Cruzes foram 187 inscrições, sendo 147 enviadas de 28 cidades de seis estados. Inscreveram-se no prêmio pessoas de São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Minas Gerais, Espírito Santo e Bahia. Especificamente de Mogi das Cruzes, foram 86 inscrições, sendo 68 enviadas.

A modalidade com o maior número de inscritos foi o Prêmio Instagram. Em segundo lugar, ficou a modalidade para amadores, que recebeu 110 inscrições, sendo 85 enviadas. Um total de 63 inscrições, sendo 49 enviadas foram para a modalidade profissional e 14, sendo 13 enviadas, foi o total de inscrições para o Prêmio Jovem.

No caso dos editais para a formação de companhias oficiais, o processo de seleção se dará em três etapas e cada selecionado terá direito a uma bolsa incentivo de R$300,00 (trezentos reais) mensais, cujo recebimento estará atrelado ao fornecimento do número do MEI (Micro Empreendedor Individual) e apresentação de certidões regulares. Os processos seletivos serão conduzidos por comissões de análise, compostas por artistas com reconhecida experiência em cada uma das áreas abrangidas.

Já no caso do edital para o Prêmio de Fotografia, em todas as modalidades, exceto pelo Prêmio Instagram, todas as fotografias inscritas passarão por uma primeira etapa de habilitação e depois serão enviadas para uma curadoria especializada, que fará a seleção dos vencedores com base nos seguintes critérios: estética, oportunidade, singularidade e qualidade de apresentação.

A divulgação dos resultados está prevista para o início de junho, por meio do site da Secretaria de Cultura e Turismo e a entrega da premiação será agendada posteriormente. As fotografias premiadas e com menção honrosa integração a mostra-coleção “Meu Olhar, Meu Lugar”.

Para a modalidade Instagram, a dinâmica é diferente. Quem se inscreveu deve seguir no Instagram as páginas @CulturaMogi e @TurismoMogidasCruzes, publicar as fotografias com as hashtags #PremioMogiFotografia2020 e #MeuOlharMeuLugar e marcar três pessoas na postagem. Haverá uma pré-seleção das 30 fotografias mais curtidas, depois a escolha das cinco melhores fotografias, porém apenas a foto mais curtida será declarada vencedora.


Deixe seu comentário