CARTAS

Secretário responde

Muito me honra ser professor.

Ao assumir a Secretaria de Transportes, a convite do prefeito Marcus Melo, entendi que teria enormes desafios. Tinha duas opções: deixar a vida me levar ou tomar atitudes que pudessem contribuir com a cidade. Quem me conhece sabe muito bem que não ficaria esperando a banda passar. Conheço a cidade e seus gargalos. Delineei um Norte: vamos, primeiro, dar atenção às pessoas comuns, às mais simples que, no dia-a-dia, vivem uma guerrilha urbana com os 267 mil veículos licenciados no município – não estou levando em conta os das cidades vizinhas. Iniciamos com implantação de lombofaixas e semáforos (Av. Voluntário Pinheiro Franco x Rua Santana, Praça dos Imigrantes, Av. Vereador Narciso Yague Guimarães, Estação Estudantes). Fizemos mudanças na Praça do Shangai, na Av. Pedro Machado, Rua Borges Vieira, Rua Francisco Franco, Engenheiro Eugênio Motta, entre outras. A última alteração foi na Rotatória do Habib’s, cujo objetivo maior foi acabar com os pontos de conflitos, permitindo que o motorista transitasse com mais segurança. A outra alternativa de mudança será um projeto de cruzamento no lugar da rotatória. Devido aos custos, conseguimos inclui-lo no Projeto +Mogi Ecotietê, que vai revolucionar aquela região. Todas essas ações foram divulgadas pela imprensa, quando da apresentação das Ações Norteadoras da Secretaria, sempre com a presença dos vereadores interessados. E vem mais por aí, é questão de tempo e recursos. Temos estudos para as rotatórias da Av. Valentina Mello Freire Borenstein (próximo ao parque Leon Feffer), Julio Simões com Av Francisco Ferreira Lopes, da Coca-Cola e para a Praça Veteranos de Guerra. Vou continuar a agir da mesma maneira que fiz até hoje “mesmo sendo professor”.

José Luiz Freire de Almeida
Secretário Municipal de Transportes


Deixe seu comentário