Semáforos devem operar em alerta durante a madrugada de Mogi | O Diário de Mogi
MUDANÇA

Semáforos devem operar em alerta durante a madrugada de Mogi

Ideia é manter equipamentos em amarelo piscante. (Foto: Arquivo)
Ideia é manter equipamentos em amarelo piscante. (Foto: Arquivo)

Os semáforos localizados em regiões consideradas críticas do Município no que refere à questão da criminalidade devem passar a operar com a cor amarela intermitente (piscante) durante a madrugada para garantir mais segurança aos motoristas. A legislação que regulamenta essa configuração de alerta entre 0h e 5h foi aprovada por unanimidade durante a sessão de ontem da Câmara de Mogi das Cruzes. Mas o projeto de lei ainda dependerá de um parecer final do prefeito Marcus Melo (PSDB), que pode promulgar ou vetar a medida.

O autor do projeto, vereador Mauro Assis Margarido (PSDB), o Maurinho Despachante, acredita que o prefeito vai aderir à proposta. Para evitar qualquer conflito com a Prefeitura, o parlamentar sugere que a Secretaria Municipal de Trânsito promova um estudo técnico na Cidade a fim de indicar os cruzamentos e os locais mais perigosos que devem operar com essa nova configuração.

A Cidade, segundo o vereador, vem registrando aumento nos índices de criminalidade, com várias ocorrências à noite, o que deixa os motoristas inseguros quando precisam transitar durante a madrugada. Por conta do medo, muitos condutores acabam desrespeitando a lei e avançando o sinal vermelho, com riscos de provocar acidentes. Uma nova configuração que permita conciliar a segurança pública e a segurança no trânsito, na opinião dele ele, pode ser a melhor saída porque vai evitar assaltos, roubos e colisões.

“O nosso principal objetivo é garantir a segurança da população. Hoje, quando um motorista sai de carro de madrugada, ela já fica preocupado quando tem que parar no semáforo. Se observa a aproximação de uma moto ou outras vê pessoas se aproximando mesmo a pé já entra em um clima de pavor porque acha que pode acontecer algo. Muitos acabam furando o sinal vermelho e podem provocar acidente. Porém se o amarelo estiver piscando, a pessoa vai redobrar a atenção para passar no semáforo em baixa velocidade, reduzindo os perigos de acidentes e a possível abordagem de alguém mal intencionado”, explica. Os colegas se manifestaram favorável e reforçaram a tese do vereador tucano.