CARTAS

Tempo certo

Jaraguá do Sul, nesta época de pandemia , desenvolveu também um novo respirador a custo baixo, como fez a USP (R$ 1.000,00). Já numa universidade do Rio de Janeiro, o respirador saiu por cerca de R$ 5.000,00.

O que a UMC e ou o Polo Digital de Mogi das Cruzes estão fazendo nesse sentido de desenvolvimento tecnológico, como vem acontecendo em outras universidades?

Não seria este o tempo certo para fazer algo? Para fortalecer e divulgar mais o nome da UMC?

Sabe -se agora, que o problema maior da Covid-19 não é a respiração (uma decorrência). Mas médicos e pesquisadores dizem ser a infecção do sangue, a coagulação, trombose, que acaba gerando um problema respiratório e muitos outros problemas, nos demais órgãos do corpo humano.

Quanto ao respirador desenvolvido em Jaraguá do Sul, acredito que tenha sido por profissionais da WEG.

É na crise que surgem as pesquisas e o desenvolvimento tecnológico.

Hamilton Mourão Jr.

hamiltonmouraoj@gmail.com


Deixe seu comentário