INFORMAÇÃO

TRE agora convoca os mesários por WhatsApp

Novidade é adotada pela primeira vez nas eleições municipais deste ano

Os três cartórios eleitorais de Mogi das Cruzes e os demais de todo o Estado de São Paulo já iniciaram a convocação dos mesários que deverão prestar serviços à Justiça Eleitoral, no decorrer do pleito de 15 de novembro próximo. E, em caso de segundo turno, também no dia 29 de novembro. A convocação deste ano apresenta uma novidade: ela está sendo feita, pela primeira vez, por meio do aplicativo de mensagem instantânea WhatsApp. Segundo a legislação eleitoral em vigor, os cartórios terão até o dia 16 de setembro para convocar os cidadãos que deverão atuar como membros de mesas receptoras de votos e de apoio logístico para o primeiro e segundo turnos, onde houver, informa o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) paulista. Segundo a Justiça Eleitoral, para a convocação online ser válida, o destinatário deve confirmar, “de forma expressa”, o recebimento da mensagem em até três dias úteis. Tal procedimento, diz o TRE, será realizado pelo cartório eleitoral, individualmente, por meio de perfis institucionais criados pelo próprio Tribunal de São Paulo. “A prioridade é que o procedimento seja feito online, sendo possível, entretanto, o envio de correspondência simples e o cumprimento de mandado por oficial de justiça, quando frustradas as tentativas por mensagem eletrônica ou instantânea”, informa. O Tribunal Eleitoral paulista diz ainda que a nova forma de convocação dos mesários, regulamentada na Resolução TRE-SP nº 493/2020, prevê, entre outros benefícios, uma maior satisfação dos eleitores, já que estão dispensados de comparecer ao cartório. A Justiça Eleitoral paulista prevê convocar 343.616 mesários e 87.864 apoios logísticos para trabalhar nas eleições municipais em todo o Estado. Um detalhe: as pessoas que desejarem trabalhar como voluntárias nas eleições de novembro poderão ser inscrever no site do TRE-SP, que é o http://www.tre-sp.jus.br.

Sesc em Mogi

A Administração Regional de São Paulo do Serviço Social do Comércio (Sesc) abriu as duas primeiras licitações, por meio de pregão eletrônico, para dar início às obras no centro esportivo e cultural de Mogi, no Socorro. A primeira, com prazo até dia 6 de agosto, visa contratar empresa para executar os serviços civis preliminares no imóvel. A outra, com conclusão prevista para 11 de outubro, se destina aos serviços de manutenção de áreas verdes para a futura unidade de Mogi das Cruzes.

Contra as fakes

O presidente da Câmara, vereador Sadao Sakai (PL) é autor de projeto de lei que institui na cidade a “Semana de informação, conscientização, e combate às notícias falsas”, as chamadas fake news, a ser realizada, anualmente, no período a partir de 2 de maio, Dia Nacional da Ética. Durante a semana, deverão ser desenvolvidas campanhas educativas adaptadas aos diferentes tipos da população, informando as consequências penais e civis relativas à disseminação das fakes. Está prevista a criação de cartilhas para explicar o problema e o Executivo poderá firmar convênios para eventos sobre o tema.

Na rede

O virtual candidato do PT à Prefeitura, vereador Rodrigo Valverde, vem apresentando nas redes sociais pequenos vídeos contando a sua história de vida. No capítulo mais recente, postado ontem, ele relatava aspectos de sua formação educacional, como aluno de escola pública que se formou em Direito e fez também uma pós-graduação, em instituições de ensino local. Contou como as constantes mudanças da família, que não possuía casa própria, influiu em sua passagem por várias escolas da cidade.

Unânimes

A Câmara de Mogi aprovou, por unanimidade, a moção de autoria do vereador Iduigues Ferreira Martins (PT), em repúdio às declarações de Bia Doria, mulher do governador João Doria Júnior (PSDB), que numa entrevista à socialite Val Marchiori, disse, em plena fase de pandemia e desemprego, que não se deve dar marmitas às pessoas que estão nas ruas, “porque a rua hoje é um atrativo; a pessoa gosta de ficar na rua”. Nem a bancada do PSDB se dispôs a sair em defesa da integrante do governo.

Frase

Quando for roubar dinheiro público, não se esqueça que na sua conta tem a honra de um homem envergonhado por ter que ver sua família passando fome.

MV Bill, 46 anos, rapper, ator, escritor e ativista brasileiro


Deixe seu comentário