IMPRESSÕES

Utilitário esportivo Peugeot 5008 oferece conforto e muita tecnologia

O Peugeot 5008 pode levar até sete passageiros e custa R$ 176 mil – versão Griffe – e R$ 182 mil – Griffe Pack (Foto Luiza Kreitlon/AutoMotrix)

A Peugeot já viveu tempos mais gloriosos no Brasil e, para voltar a crescer, a estratégia é oferecer uma gama de produtos com posicionamento premium entre as marcas de alto volume. E o utilitário esportivo 5008 – principalmente na versão de topo Griffe Pack – é importado da França para cumprir uma função estratégica: agregar robustez e tecnologia à imagem da marca, normalmente mais associada à esportividade e ao design. Não foi por acaso que o 5008 foi o escolhido para essa tarefa.
Na segunda e atual geração do SUV, apresentada em 2017, a Peugeot adotou uma parte frontal com um visual bem contemporâneo, de aspecto forte, com traços agressivos. Há muitos cromados nos vincos e nas janelas, que ampliam a elegância e a imponência do conjunto. O 5008 é construído sobre a mesma plataforma do 3008. O SUV tem 4,64 metros de comprimento, com 2,84 metros de entre-eixos, 1,91 metro de largura e 1,65 metro de altura e pode transportar até sete passageiros – há dois bancos extras retráteis no porta-malas. Com esses dois bancos retraídos, leva até 780 litros de carga.
Para quem embarca no 5008, chama a atenção o volante pequeno característico do i-Cockpit, lançado pela Peugeot em 2012, que incorpora controles para o som e para o comando de voz. Um comando satélite atrás da direção abriga os botões do controle de cruzeiro. O painel de instrumentos é digital e configurável. Os acabamentos são bem cuidados e honram as boas tradições da Peugeot nesse aspecto. A composição mistura elegantemente painéis em preto brilhante com alumínio, cromados, tecido e couro. O console traz comandos em forma de tecla, que acrescentam um charme “vintage”. E, sob o descansa-braços central, existe um providencial nicho refrigerado.
A habitabilidade é um diferencial. O 5008 leva sete passageiros e, graças a sua altura interna avantajada, proporciona um ambiente agradável. O acesso aos dois assentos extras não foge à normalidade complicada dessa solução e não é dos mais fáceis. Já quem viaja na segunda fileira conta com espaço bastante generosos e até com mesinhas, como nos aviões. O teto solar elétrico panorâmico aumenta expressivamente a percepção de espaço a bordo. Todos os assentos são individuais e bastante ergonômicos. Os bancos dianteiros ainda dispõem de um sistema com massagens pré-programadas. O isolamento acústico é eficiente, assim como o ar-condicionado de duas zonas.

O visual do Peugeot 5008 tem aspecto forte e contemporâneo e usa o conhecido motor 1.6 turbo de 165 cv (Foto Luiza Kreitlon/AutoMotrix)

O motor é o mesmo 1.6 litro 16V THP que equipa o 2008 e o 3008. Bebe apenas gasolina e gera 165 cavalos máxima e 24,5 kgfm de torque desde 1.400 rpm. Referência de desempenho quando chegou aos veículos da Peugeot há 10 anos, hoje em dia o propoulsor, projetado em parceria com a BMW, perdeu o velho status. Dinamicamente, o SUV não chega a ter um comportamento arrebatador, mas também não decepciona.
Para um SUV das dimensões do 5008, o motor entrega um desempenho honesto, sem exuberância ou carência de força. Retomadas e ultrapassagens são feitas de forma correta, sem aparentar falta de fôlego. O câmbio automático de seis velocidades se esforça para entregar mais performance quando o motorista pressiona o acelerador. O conjunto é competente, mas não chega a emocionar ninguém. Acionando o modo Sport, em um botão no console, as marchas são trocadas com o giro um pouco mais elevado, o que aumenta a percepção de esportividade. Nos testes do Inmetro, o 5008 obteve conceito “C” no geral e na categoria, com um consumo de 9,5 km/l na cidade e 12,1 na estrada.
Nas curvas, o 5008 é bastante convincente e “tira de letra” os trechos sinuosos em velocidades elevadas. Os diversos controles dinâmicos e até tecnologias semiautônomas reforçam a segurança e o conforto de quem dirige. O Sistema de Correção e Alerta de Permanência em Faixa reconhece as linhas da estrada e alerta o motorista caso ele saia de sua pista involuntariamente. O Leitor de Sinalização de Velocidade informa a velocidade máxima permitida na via e o motorista pode decidir se quer ou não se adaptar ao limite permitido. O Sistema de Ponto Cego Ativo funciona por meio de sensores de ultrassom laterais e uma câmera de vídeo, emitindo alertas caso haja algum veículo no ponto cego, além de corrigir a trajetória se houver risco de colisão. Graças ao Piloto Automático Inteligente, o SUV regula sua velocidade para evitar ao máximo qualquer risco de colisão, podendo regular a distância adequada em três níveis: distante, normal e perto.

No interior, o 5008 mostra acabamento bem cuidado e o já conhecido volante pequeno da Peugeot (Foto Luiza Kreitlon/AutoMotrix)

O Sistema de Frenagem Automática e o Alerta de Colisão identificam obstáculos à frente e emitem alertas de diferentes níveis, até mesmo acionando o freio para evitar um acidente. Assistência de farol alto, sistema de câmeras 360 graus ao redor do carro, sensores de estacionamento e detector de fadiga também facilitam a vida do motorista. As tecnologias são sempre bem-vindas, contudo o veículo dá a impressão de que raramente precisa delas. Nas frenagens, o 5008 se mantém sempre bem equilibrado. Um sistema de tração integral, inexistente no 5008, certamente daria um comportamento mais instigante ao modelo nas trilhas.
Para reforçar a segurança, o SUV traz de série seis airbags, freios ABS e controle de estabilidade e tração. Faróis full LED, interior em couro, bancos dianteiros elétricos com sistema de massagem no encosto, chave presencial para travamento e partida, câmera de ré, sensores de obstáculos dianteiro e traseiro, carregador de celular por indução, sensores de luminosidade e de chuva reforçam o pacote tecnológico. O sistema multimídia com tela sensível ao toque e conexão com Apple CarPlay e Android Auto não tem navegador GPS, mas espelha Google Maps e Waze de smartphones.
O 5008 custa R$ 175.990 na versão Griffe e R$ 181.990 em sua configuração de topo Griffe Pack. (Luiz Humberto Pereira/AutoMotrix)

Ficha técnica
Peugeot 5008 Griffe Pack

Foto Luiza Kreitlon/AutoMotrix

Motor: Gasolina, dianteiro, transversal, 1.598 cm³, quatro cilindros em linha, quatro válvulas por cilindro, turbo com intercooler e comando no cabeçote variável na admissão e no escape. Injeção direta de combustível e acelerador eletrônico.
Transmissão: Câmbio automático de 6 velocidades à frente e uma a ré.
Tração: dianteira. Oferece controle de tração.
Potência: 165 cavalos a 6 mil rpm.
Torque máximo: 24,5 kgfm a 1.400 rpm.
Aceleração 0-100 km/h: 10,5 segundos.
Velocidade máxima: 206 km/h.
Diâmetro e curso: 77 mm x 85,8 mm. Taxa de compressão: 11,0:1.
Suspensão: Dianteira independente do tipo McPherson e traseira semi-independente por eixo de torção. Oferece controle eletrônico de estabilidade.
Pneus: 235/50 R19.
Freios: Discos ventilados na frente e maciços atrás. Oferece ABS com EBD.
Carroceria: Utilitário esportivo em monobloco, com quatro portas e cinco lugares. Comprimento de 4,64 metros com 1,91 m de largura, 1,65 m de altura e 2,84 m de entre-eixos. Possui airbags frontais, laterais e de cabeça de série.
Peso: 1.440 kg.
Capacidade do porta-malas: 780 litros na configuração de 5 bancos. Já com os 7 lugares prontos para o uso, é possível levar 167 litros de bagagem.
Tanque de combustível: 56 litros.
Lançamento no Brasil: 2018.
Produção: Sochaux, França.
Preço: R$ 181.990.