INFORMAÇÃO

Vereadora quer proibir os animais de carga em Mogi

LEMBRANÇAS Até mesmo o revolucionário mexicano Emiliano Zapata foi lembrado durante a passeata contra reforma da Previdência em Mogi. (Foto: Eisner Soares)
LEMBRANÇAS Até mesmo o revolucionário mexicano Emiliano Zapata
foi lembrado durante a passeata contra reforma da Previdência em Mogi. (Foto: Eisner Soares)

Projeto de Fernanda Moreno está sendo analisado pelas comissões antes da votação

A vereadora Fernanda Moreno (PV) vai tentar proibir aquilo que outros vereadores, no passado, não conseguiram: a proibição, no perímetro urbano de Mogi das Cruzes, da utilização de veículos movidos a tração animal para fins comerciais e a exploração animal para esse fim. Um projeto de lei com tal objetivo foi protocolado na Câmara e está sendo submetido, inicialmente, à análise das comissões permanentes, antes de ser levado a plenário para ser discutido e votado pelos seus colegas. Estarão abrangidos pela futura lei, caso a proposta seja aprovada, os equinos, asininos, muares, caprinos e ovinos. E será considerada tração animal todo meio de transporte de carga movido por propulsão animal. Também será considerado condução de animais com cargas, o deslocamento de animais conduzindo cargas em seu dorso, estando o condutor montado ou não. A lei exclui da proibição o uso de animais pelas forças públicas, militares ou civis, que possuam grupamentos com montarias, tendo em vista que respeitam normas vigentes de bem-estar animal. A proposta também exclui os desfiles religiosos, como a tradicional Entrada dos Palmitos da Festa do Divino Espírito Santo, desde que sejam seguidas regras exigidas atualmente pelo desfile e que não seja permitido o uso de esporas, chicotes ou outros objetos que venham a maltratar os animais. Os animais embarcados terão de apresentar a Guia de Transporte Animal (GTA) e a participação das montarias só será permitida com cabresto e sem o uso da argola, também chamada de “bridão” no focinho. Charretes e carroças não poderão utilizar aparelhos de som e não poderão haver exibições de adestramento de montaria que forcem o animal a exibir passos ensaiados. Animais encontrados em condições contrárias à legislação – caso venha a ser adotada – poderão ser retidos e até recolhidos pela fiscalização. Se houver discordância do dono, a força policial poderá ser requisitada, segundo a proposta . Há outras penalidades, em especial se forem constatados maus tratos aos animais. “Sonho com o dia em que não utilizaremos mais os animais para entretenimento, ainda que religioso, mas é notório que as festas vão mudando suas tradições e é bom saber que há esta preocupação, assim como as restrições já impostas durante a Festa do Divino de Mogi”, diz a vereadora Moreno.

E a Comissão?

Está próximo de completar um mês de tramitação pela burocracia interna da Câmara a proposta de criação de uma simples Comissão Especial de Vereadores para apresentar sugestões aos problemas dos cemitérios municipais da cidade. A julgar pela demora para autorizar a formação da CEV, a questão ainda deverá levar muito tempo para ser efetivamente resolvida na cidade..

Desfile

Escrito por Acir Filló, o livro “Diário de Tremembé – O presídio dos famosos”, onde o ex-prefeito de Ferraz de Vasconcelos, atualmente preso sob acusação de corrupção, conta história de marginais famosos, como Alexandre Nardoni, Cristian Cravinhos, Roger Abdelmassih, Mizael Bispo, Edinho (filho de Pelé), e outros, é também usado pelo autor para mostrar seu bom relacionamento, no passado, com conhecidos personagens da política. Ao longo de dez páginas, Filló desfila em fotos ao lado de Jair Bolsonaro, Fernando Henrique Cardoso, Lula, Dilma Rousseff, Antonio Ermírio, José Serra, Aécio Neves, Delfim Neto, ACM, Marco Aurélio Mello (ministro do STF) e Geraldo Alckmin, entre outros.

Funil

Quem passa de trem pela região de Braz Cubas e Jundiapeba tem uma visão ampla da grandiosidade da avenida das Orquídeas, que continua aguardando a licença da Cetesb para ser aberta definitivamente aos veículos. Do trem, é possível também verificar outro aspecto da obra: o seu afunilamento ao se juntar à Avenida Jorge Bei Maluf, via de pista única do município de Suzano. Os riscos de acidentes são inquestionáveis no início do funil, que também deverá comprometer politicamente a inércia do governo municipal suzanense, o qual, há tempos, já deveria ter tomado providências para evitar o que virá por aí, quando a avenida estiver liberada.

Bingo da Lira

Para que a Lira São José Operário possa continuar sobrevivendo, seus diretores realizam nesta sexta-feira (21), mais um chá-bingo, a partir das 15 horas, buscando arrecadar fundos para manutenção da única banda não oficial (a outra é a do 17º Batalhão da PM) existente na cidade. O evento acontece no salão paroquial da Igreja de São José Operário, no bairro do Mogilar.

Frase

Só me relacionei com as que quiseram. Elas me assediavam.

Roger Abdelmassih, médico especializado em reprodução humana, cumprindo pena por 39 estupros, entrevistado no livro de Acir Filló